FAMOSOS

Helô Pinheiro revela mágoa de Giselle Bündchen por desfile nas Olimpíadas: "Anitta me ligou, ela não"

Helô Pinheiro comenta sobre mágoa por conta da música "Garota de Ipanema"

Helô Pinheiro desabafa sobre Giselle Bündchen: "Anitta me ligou, ela não" - Foto: Reprodução / Instagram
Helô Pinheiro desabafa sobre Giselle Bündchen: "Anitta me ligou, ela não" - Foto: Reprodução / Instagram

Redação Publicado em 07/01/2022, às 13h12

A modelo Helô Pinheiro comentou sobre a mágoa que ainda guarda da top model Gisele Bündchen, quando em 2016, ela desfilou na abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro ao som da icônica música "Garota de Ipanema".

Verdadeira dona do título, Helô foi a musa que inspirou a canção criada por Vinicius de Moraes e Tom Jobim, mas foi a top model que acabou ganhando toda a atenção por conta da música na ocasião. Ela participou do podcast "Papagaio Falante" apresentado por Sergio Mallandro e Luiz França, e falou sobre a situação.

"Ela brinca, ela fala que ela não liga, mas quando a Gisele Bündchen desfilou lá no Rio bateu ciúmes, raivinha, ódiozinho. Ela ligou para a Gisele e falou: 'Quer pegar meu lugar?", disse Mallandro, ganhando resposta da ex-modelo.

"Realmente, não é ciúmes. Eu fiquei realmente indignada, porque ela não é carioca, não é do Rio de Janeiro, e a música tem a ver com o Rio. Não que ela não merecesse estar ali desfilando, mas que tocasse uma 'Aquarela do Brasil', ou uma música brasileira, mas não aquela que eles me deram de presente. Doeu no meu coração", disse Helô.

Luiz França então resolveu cutucar: "Deveria ir lá você, né, que é a Garota de Ipanema", e ela não hesitou em concordar com a afirmação. "Você não sabe a revolução que foi isso. Porque ela poderia encontrar comigo no meio da passarela, e uma dar uma forcinha para outra, qualquer mimo, e tudo bem. Mas não", desabafou.

"Foi uma coisa tão doída, eu não esperava. E depois, também, eu pensei: ela vai ligar, para dizer o porquê, mas nunca ligou. Ela conhece bem a Tici (Ticiane Pinheiro, sua filha), que é minha filha, não custava nada", lamentou.

Helô prosseguiu afirmando que Gisele e Ticiane são próximas. "Elas têm um contato, não custava nada só dizer um: 'Eu vou'. Como foi Anitta, ela agora para colocar a música 'Garota de Ipanema' em partes, ela ligou, procurou saber, depois ainda me mandou uma vitrolinha com o disco. Foi super simpática, super educada. Acho que isso é uma questão até de gentileza, foi muito legal. Agora, a Gisele realmente pisou na bola", finalizou.

 

Looks com Tici e tratamento contra câncer

No começo de dezembro, a filha de Helô, Ticiane Pinheiro, deixou os internautas encantados ao posar ao lado da mãeusando looks parecidos nas redes sociais.

Na foto publicada em seu Instagram, Ticiane e Helô posam sorrindo, lado a lado, usando look parecido em clima de fim de ano: "Bom dia, muito amor para vocês. Existe mãe mais linda do que a minha?", declarou a apresentadora.

As duas receberam uma enxurrada de elogios nos comentários: "Lindas e maravilhosas, mãe e filha", disse um. "A sua mãe é maravilhosa mesmo, Tici. E você também", escreveu outro. "Muita beleza em uma foto só, deusas", comentou mais um. 

Antes, em setembro, Helô deu uma entrevista para falar sobre a retomada do tratamento contra um carcinoma linfático na tireoide -- na época, os procedimentos de iodoterapia foram adiados por conta da falta de insumos do único distribuidor no Brasil. 

"O tratamento deveria ter começado no dia 13 de setembro, mas recebi a notícia pelo médico Dr Wilson Ichiki que o IPEN , único distribuidor do insumo no Brasil, estava sem o produto por problemas financeiros e que, sendo assim, meu tratamento havia sido cancelado e estava sem previsão de início", contou ela para a "Quem".

Na ocasião, ela lamentou: "Me deixou bastante abalada. Mas sou uma pessoa que aguarda na fé e conformada com tudo que Deus me encaminha. Não é fácil, mas com esperança a gente se acalma", explicou a ex-modelo, que precisou passar 20 dias com restrições, que incluíam não pintar as unhas, não tingir os cabelos e não consumir sal.

Ela também comentou que reparou nas alterações emocionais após retirar a tireoide, que regula o humor. "O Dr Otavio Curioni, que retirou toda a tireoide, notou a minha instabilidade emocional quando às vezes tenho vontade de chorar sem motivo ou fico irritada. A tireoide regula os hormônios e como tive que retirá-la há necessidade de reposição e já estou fazendo isso com medicamento. Para me ajustar aos momentos que tenho esse tipo de irregularidades emocionais, também rezo".

 

 

Comentários