FAMOSOS

Marcos Oliveira, o Beiçola de 'A Grande Família', irá usar vaquinha de R$ 66 mil para pagar dívidas

"Fiquei sem dinheiro até para comprar comida"

Marcos Oliveira interpretava Beiçola - Reprodução/Instagram@marcosoliveiraator
Marcos Oliveira interpretava Beiçola - Reprodução/Instagram@marcosoliveiraator

Redação Publicado em 04/06/2021, às 12h46

Marcos Oliveira, famoso por seu papel como Beiçola em A Grande Família, disse ao EXTRA como irá usar os R$ 66 mil arrecadados em uma vaquinha online, que foi criada há uma semana com a intenção de ajudá-lo. O ator está passando por dificuldades financeiras.

"Vou usar parte desse dinheiro para pagar minhas contas. Devo uma base de R$ 30 mil no banco. E o restante vou tentar viver. Tenho que sair desse apartamento aqui em Botafogo, e ir para um lugar mais barato. Espero que eu consiga um dia ter um cantinho na vida para ficar junto com as minhas três cachorras. Estou na batalha para disso", diz.

Marcos reforça o pedido por trabalho: "Preciso de trabalho. A grana está sendo legal, vou pagar minhas dívidas, dar um novo rumo na minha vida, tenho 64 anos, disposição, e quero trabalhar".

O ator diz que está recebendo propostas: "Graças a Deus, está aparecendo trabalhos. Fiz uma propaganda no Sul, tem participação no Porta dos Fundos e num festival de teatro online. O que eu quero é trabalho. Viver de caridade é horrível. É legal tudo que fizeram, que me tirou da expectativa de miséria, mas pelo menos agora tem uma expectativa de trabalho".

Ele diz que recebeu, durante um ano e meio, o dinheiro relacionado à reprise de A Grande Família, porém o dinheiro acabou em fevereiro: "Fiquei sem dinheiro até para comprar comida. Ganhei duas cestas básicas de uma amiga produtora. Alguns amigos me ajudaram a comprar comida para mim e para as minhas cachorros. Consegui ajuda de amigos para pagar aluguel".

Marcos ficou emocionado com a vaquinha: "Fiquei muito emocionado, porque eu não tenho ninguém. Só sou eu e as minhas cachorras. Estou aqui sobrevivendo. Quando você ver que tem tanta gente que gosta de você, eu fico emocionado. Agradeço a todo mundo e peço a Deus que protege todas essas pessoas. Por um lado, me sinto muito amado e agradeço a todos por ter me ajudado. Por outro, é triste, porque, não só eu, mas tem um monte de gente passando fome. Eu passei uma necessidade barra pesada, mas tem gente que passa fome".

Ele diz que nunca gastou dinheiro com besteira: "Tem algumas pessoas que acham que eu gastei todo o meu dinheiro na farra, na orgia, e ator de teatro não tem isso. A gente sempre preserva a saúde da gente. Toda a minha grana foi para manter minha saúde. Não quero ir para o Retiro dos Artista, porque eu estou na ativa. Estou bem, andando, consigo decorar. Um bom ator coadjuvante eu sei que posso ser".

Comentários