FAMOSOS

Letitia Wright diz que não fez pregação antivacina em set de Pantera Negra 2: "Inverdades"

Letitia Wright negou boatos sobre pregações antivacinas

Atriz chegou a compartilhar fake news nas redes sociais em dezembro de 2020 - Reprodução / Instagram @letitiawright
Atriz chegou a compartilhar fake news nas redes sociais em dezembro de 2020 - Reprodução / Instagram @letitiawright

Redação Publicado em 14/10/2021, às 10h03

Letitia Wright negou, nas redes sociais, boatos de que teria feito pregações antivacina no set de filmagens de Pantera Negra 2, sem ressaltar, no entanto, seu posicionamento em relação ao imunizante. 

A atriz publicou seu pronunciamento em resposta à matéria do portal The Hollywood Reporter, que alegou que Letitia estaria disseminando sua falta de crença nas vacinas contra a Covid-19 nos bastidores do longa. No Instagram, Wright negou os boatos e afirmou que estava focada em seu trabalho: "Me entristece ter que abordar as notícias publicadas pelo The Hollywood Reporter em 6 de outubro de 2021. A notícia falava sobre minha conduta no set de Pantera Negra 2."

Ela prosseguiu: "Sinceramente, afirmo que isso é uma completa inverdade. Qualquer pessoa que me conhece ou que já trabalhou comigo, sabe que trabalho muito duro em meu ofício e meu foco principal é sempre fazer um trabalho que seja impactante e inspirador. Esse tem sido e continuará sendo meu único foco."

"Vou continuar a segurar nas mãos de Deus e na escritura de Isaías 54:17. Eu continuo a me concentrar na minha cura. Obrigado por suas orações. E eu continuo a orar pelo amor, paz e alegria de Deus para todos vocês", completou a atriz.

"Uma fonte do set diz que ela teria defendido opiniões semelhantes (às anteriores) sobre as vacinas contra a covid-19 na produção de Atlanta", diz um trecho do texto, lembrando que a atriz já havia publicado um polêmico vídeo contra a vacina em dezembro do ano passado, que foi posteriormente apagado depois que foi rebatida por Don Cheadle, que interpreta o Máquina de Combate na franquia da Marvel.

Pela primeira vez em dezembro, Letitia falou sobre sua desconfiança, sem fundamentos, em relação à vacina nas redes sociais ao compartilhar um vídeo com fake news sobre a doença. O vídeo questionava mudanças climáticas, além de mostrar comentários transfóbicos. Na sequência, ela apagou a publicação e se desculpou. 

Comentários