FAMOSOS

Marcos Mion sobre fazer viagens separadas com filhos: "Atenção especial para cada um"

Apresentador conta como procura fazer agenda mental para dar atenção para os três filhos

Mion divide seu tempo com Romeo, de 12 anos, Donatella, 12 anos, e Stefano, de 11 anos - Reprodução/Instagram/@marcosmion
Mion divide seu tempo com Romeo, de 12 anos, Donatella, 12 anos, e Stefano, de 11 anos - Reprodução/Instagram/@marcosmion

Redação Publicado em 13/08/2021, às 08h43

Pai de três filhos, o apresentador Marcos Mion falou sobre dividir seu tempo com eles e explicou o motivo de realizar viagens separadas com eles, afirmando que d[a atenção especial para cada um. 

Mion sempre faz uma agenda mental para dar atenção para os filhos que tem com Suzana Gullo, principalmente para o primogênito, Romeo, de 12 anos, diagnosticado com espectro autista. Além dele, o apresentador também é pai de Donatella, de 12 anos, e Stefano, de 11. Para as férias, ele conta que tenta fazer viagens diferentes: "Em relação às viagens, é muito necessário fazer viagens separadas. Faço isso até hoje. No nosso caso, temos a condição de fazer isso. Então, fazemos uma viagem só com o Romeo, que fica numa alegria muito grande."

Ele prosseguiu: "Mas é uma viagem difícil, tem que ter a estrutura de uma casa, uma agenda organizada do que vamos fazer, de onde e o que vamos comer. Não é uma viagem para quem quer conhecer o mundo. Ele vai para os mesmos lugares. Com os outros dois, podemos viajar para conhecer o mundo. Podemos dormir um dia em um lugar, depois em outro. Isso não funciona para o Romeo. Ele não aguenta fazer uma viagem assim, fica completamente desorganizado, entra em crise e em um espiral de pânico."

"Os outros dois também não querem ir só para Orlando vendo os mesmos shows e personagens. Então é muito saudável dentro da sua capacidade e orçamento dar uma atenção especial para cada filho", disse. Marcos ainda explica como costuma fazer para poder dar atenção aos três. "É uma arte diária. Tem que ter uma divisória mental na sua cabeça e saber que você tem que dar atenção para todo mundo. O problema é quando os irmãos deixam de te acionar porque acham que você está ocupado com o Romeo. Isso não pode acontecer. Quando o Romeo está com a gente é um grude 24 horas."

"Agora na adolescência, ele fala para caramba, está conversador, quer entrar nas conversas e demanda muita atenção. Os irmãos cresceram e amadureceram muito. Hoje em dia, esse momento da conversa entre todo mundo é saudável. Mas de fato, não foi sempre assim. Por isso que é necessário ter essa divisória mental do tempo com cada filho. Mesmo que seja uma hora do seu dia, separa 20 minutos para cada um", completou.

Comentários