Cenapop
FAMOSOS

Após tratar hidrocefalia, Flavio Silvino celebra 50 anos em casa

Ator está longe da TV desde quando participou de 'Laços de Família'

Flavio realizou uma cirurgia no último ano, precisando colocar uma válvula no cérebro para tratar hidrocefalia
Flavio realizou uma cirurgia no último ano, precisando colocar uma válvula no cérebro para tratar hidrocefalia - Reprodução/Divulgação

Redação Publicado em 08/04/2021, às 07h52

O ator Flavio Silvino celebrou os 50 anos, nesta quarta-feira (07/04), em sua casa em Copacabana, no Rio de Janeiro, onde está há um ano isolado por conta da pandemia da Covid-19, segundo o Jornal Extra.

O ator está longe da TV desde quando participou de 'Laços de Família', em 2000. Flavio tem feito fisioterapia e fonoaudiologia para poder tratar as sequelas na fala e locomoção que sofreu após um acidente de carro em 1993, ficando em coma durante três meses, com perda de massa encefálica e traumatismo craniano.

Diva Plácido, mãe do ator, contou sobre a comemoração do filho: "Festejamos eu, ele, a fono e a moça que mora conosco. Ele está bem, dentro do possível. Continua fazendo, eternamente, fisioterapia diária e fonoaudiologia. Ele tem que ter o apoio do andador, mas, normalmente, ele fica na cadeira de rodas, porque não tem equilíbrio."

"O Flávio se entregou muito na pandemia e não sai para dar uma volta desde o início da quarentena", afirmou. Ele, que é filho do ator e humorista Paulo Silvino, que morreu em 2017, precisou realizar uma cirurgia no último ano, colocando uma válvula no cérebro para tratar hidrocefalia após sofrer um acidente doméstico, caindo e batendo a cabeça em casa. 

"Ele teve que colocar a válvula e perdeu um pouco o estímulo. Mas ele é feliz. Eu dedico a minha vida para ele. Flávio tem o irmão que mora em Berlin e que é louco por ele", contou. Diva ainda revelou que Flávio é noveleira e passa o dia inteiro assistindo as novelas e os programas da Globo. "Ele acompanhou a reprise de ‘Laços de Família’ e adorou."

Diva admite que evita deixar o filho participar de programas de TV e dar entrevista para protegê-lo e poupá-lo: "Ele tem o tempo dele, os horários dele. Não quero que ele fique mal depois. Flávio só tem dois amigos: o irmão e eu."

Comentários