Como o Plantão da Globo aterrorizou os espectadores nos anos 90

O terror dos anos 90: o Plantão da Globo interrompendo a programação – Foto: Reprodução

Um dos maiores medos dos espectadores nos anos 90 era dar de cara com um Plantão da Globo.

A vinheta em tons escuros e a música macabra era prenúncio de má notícia. Há quem considere que era o equivalente à trombeta do apocalipse, anunciando alguma tragédia. E em geral estavam certos: o Plantão do jornalismo da TV Globo entrava no ar, na esmagadora maioria dos casos, para noticiar algo que poderia repercutir na vida nacional.

Por conta disso – e dos traumas que o susto que causou em muita gente – o Plantão da Globo entrou para o imaginário popular, e consequentemente, faz parte da cultura televisiva brasileira. Apesar de outras emissoras também terem seu informativo urgente, apenas o da TV Globo alcançou essa deferência.

Com o passar do tempo ele foi perdendo a força, por conta do avanço da comunicação imediata como as redes sociais, por exemplo. Mas ainda hoje, quando entra no ar, faz o país parar.

Existem vários exemplos da influência do Plantão na vida do povo brasileiro: todo mundo se lembra quando ele surgiu para anunciar as mortes de Ayrton Senna, Mamonas Assassinas, Princesa Diana; os ataques às Torres Gêmeas no 11 de Setembro, entre outros. Entretanto, no vídeo abaixo, produzido pelo nosso parceiro Canal Cinco Tons, temos um apanhado dos Plantões menos famosos, mas igualmente aterrorizantes e impactantes, inclusive contando sobre o primeiro Plantão da História da Globo.

Assista:

Comentários