FAMOSOS

Titi Müller diz que foi vítima de hacker com selinho verificado: “Duas horas de tensão”

Apresentadora contou que levou duas horas para resgatar a conta

Titi Müller teve a conta invadida por hacker com selinho de verificação - Foto: Reprodução/ Instagram
Titi Müller teve a conta invadida por hacker com selinho de verificação - Foto: Reprodução/ Instagram

Redação Publicado em 14/10/2020, às 06h13

Titi Müller contou que teve sua conta oficial no Instagram – na qual tem 670 mil seguidoras – hackeada por um criminoso que usa selinho verificado.

Em seu Instagram Stories, após “resgatar” o perfil que havia sido invadido e trocar a senha, a apresentadora fez um alerta a todos os usuários da rede social que têm conta verificada.

“Gente, esqueci de falar aqui que fui hackeada. Também teve uma galera, né: Dedé Teicher, Joana Maranhão, Dani Monteiro, fiquem muito ligados! Achei muito bom esse golpe. Vem de um selinho verificado: hackeia perfis verificados e mandam mensagem falando que seu perfil verificado vai entrar em um limbo de spam e pede pra clicar num link e eu, velha – estou cada vez mais parecida com minha mãe – entrei no link”, contou ela.

“Foram duas horas de tensão mudando senha, mostrando que minha conta de Instagram estava logada em Aricanduva. Marimoon também: estava em Ribeirão Preto. Esses hackers, o que querem com nossas contas? Será que acessaram meu Google Drive? Tentaram entrar no meu e-mail também”, revelou ela. “Não cliquem em nada sem checar mil vezes”, alertou.

Comentários