FAMOSOS

Pétala Barreiros diz que recebeu ordem de despejo do ex: "Me deu cinco ou sete dias pra sair da casa dele com duas crianças"

Influenciadora era casada com o empresário Marcos Araújo, dono do Villa Mix

Pétala Barreiros e Marcos Araújo têm dois filhos juntos - Reprodução / Instagram@petalagb
Pétala Barreiros e Marcos Araújo têm dois filhos juntos - Reprodução / Instagram@petalagb

Redação Publicado em 22/09/2021, às 15h39

A influenciadora Pétala Barreiros contou um pouco mais sobre a situação envolvendo sua separação com seu ex-marido, o empresário Marcos Araújo, dono da Audiomix e do Festival Villa Mix.

Em seu perfil no Instagram, Pétala desabafou: "Apesar de eu ser nova, eu tenho dois filhos e vou até o final pra defendê-los. Isso tudo não me atinge, pode pedir quantos DNA quiser, porque eu sempre vou dar minha cara para bater pelos meus filhos. O que vem me atingindo desde o início do ano são os meus filhos".

A influenciadora também revelou que seu filho mais novo foi diagnosticado com autismo: "Só a minha família e amigos mais próximos sabem, mas o Lucas recebeu um pré-diagnóstico de autismo. Quando você vai com seu filho nessa situação no hospital e recebe a informação que o plano de saúde dele foi cancelado pelo pai, isso dói, machuca. Se não fosse pelos meus pais, porque a minha mãe sempre imaginou que isso pudesse acontecer, e minha mãe fez um plano de saúde pra ele. Fomos super bem atendidos no hospital e se não fosse por isso a gente teria ficado sem o atendimento".

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Pétala Barreiros (@petalagb)

 

O empresário também teria enviado uma notificação extrajudicial de despejo para que Pétala deixasse sua casa, junto com os filhos: "Diante de tudo isso que vem acontecendo comigo e com os meus filhos, eu recebo uma ordem de despejo para que eu e meus filhos saíssemos da casa dele. E ele me deu cinco ou sete dias pra sair da casa dele com duas crianças".

Ela finaliza: "Esse ano vivi em delegacia, foi o tempo todo. Os advogados dele são os melhores do Brasil. Custou um dinheiro, viu. E eu também tenho gastado muito dinheiro com advogado pra me ajudar. Só na delegacia eu não fui menos que 15 vezes esse ano. E várias vezes que estive lá cruzei com os advogados dele. E ele nos Estados Unidos sozinho, quietinho, como ele sempre fez. Se esconde atrás de pessoas".

Comentários