FAMOSOS

Meghan Markle e Harry serão processados se revelaram quem é o membro racista da Realeza Britânica

A acusação de Meghan e Harry foi minimizada pela Família Real Britânica após um comunicado

Príncipe Harry e Meghan Markle podem ser processados pela Realeza Britânica - Foto: Reprodução / Instagram @sussexroyal
Príncipe Harry e Meghan Markle podem ser processados pela Realeza Britânica - Foto: Reprodução / Instagram @sussexroyal

Redação Publicado em 30/08/2021, às 10h01

O jornal britânico "Daily Mail" conversou com um advogado para tentar entender a opção de Meghan Markle e do Príncipe Harry de não comentar quem é o membro da Família Real Britânica que fez um comentário racista sobre a cor da pele do filho do casal, Archie, de apenas 2 anos.

Markle e Harry não revelaram quem foi a pessoa e, provavelmente, deverão continuar mantendo em segredo, segundo Mark Stephens, advogado consultado pelo jornal.

Essencialmente, o que pode acontecer é, esse indivíduo, caso nomeado, pode processá-los por quebra de privacidade, caso a conversa tenha ocorrido em um contexto privado, com expectativa razoável de privacidade, sem preocupação que a conversa fosse compartilhada com terceiros ou a mídia.

Tudo começou em uma entrevista de Markle e Harry para a Oprah Winfrey, exibida em março deste ano. Durante as revelações, a duquesa comentou sobre sua depressão e pensamentos suicidas durante o tempo em que viveu com a realeza. No momento, ela também comentou que Harry presenciou uma “conversa sobre a tonalidade da pele de Archie” antes mesmo do nascimento da criança.

No dia seguinte da exibição da entrevista, o ocorrido foi minimizado pela própria realeza em um comunicado para o público. No texto divulgado pelos assessores da Família Real dizia que “as lembranças podem variar” de pessoa para pessoa, jogando dúvidas no relato do casal.

Comentários