FAMOSOS

Luciana Gimenez sobre polêmica de dinheiro recebido do Governo Federal: “Fui paga por trabalho honesto”

Apresentadora disse que “emitiu nota” por trabalho de merchandising

Luciana Gimenez contou que recebeu dinheiro do Governo por trabalho honesto - Foto: Reprodução/ Instagram@lucianagimenez
Luciana Gimenez contou que recebeu dinheiro do Governo por trabalho honesto - Foto: Reprodução/ Instagram@lucianagimenez

Redação Publicado em 13/07/2021, às 06h22

Luciana Gimenez falou pela primeira vez sobre a polêmica de que teria sido beneficiada com dinheiro do Governo Federal durante seu trabalho na RedeTV! 一 onde comanda o SuperPop e o Luciana by Night.

À jornalista Fábia de Oliveira, do jornal O Dia, a apresentadora contou que apenas “cumpre os merchandising que são fechados para os seus programas”, e que, assim como outros apresentadores, recebe por isso.

“Acho importante as pessoas entenderem o que aconteceu. Eu te digo, para mim, Luciana, honestidade não é qualidade; é obrigação. Dito isso, eu te pontuo que sou contratada de uma emissora e cumpro todos os merchandising que são fechados para os meus programas, entre eles os do Governo Federal. Nesse ponto acho importante deixar bem claro que faço merchandising para o Governo Federal desde 2004. Não foram nos últimos 3 anos que essas prestações de serviços começaram. Mas claro que, para algumas narrativas tendenciosas fazerem sentido na mídia, esse fato é excluído. Outro ponto é que não sou só eu que presto esses serviços. Isso é algo comum em todas as emissoras do país, sem exceção. O Governo Federal precisa comunicar a população sobre fatos de interesse público como: vacinação, campanhas sociais, inserções de novas moedas no mercado, previdência e outros assuntos… E faz isso através de rádios, jornais, sites e TVs, sendo que nesse último caso, dentro de programas e usando a imagem de apresentadores. Simples assim”, disse ela.

À publicação, Luciana esclareceu que não recebeu dinheiro do governo de forma aleatória, que “emitiu nota fiscal” e recebeu por “prestar um trabalho honesto”. 

“Fazer merchandising ou até campanhas para empresas privadas ou governamentais é uma das opções que nós temos de prestação de serviço dentro da nossa área. A matéria quis dar a entender que eu teria recebido porque seria uma apresentadora bolsonarista, essa até pode ser o olhar da jornalista, mas essa não sou eu. Essa não é a Luciana Gimenez. Primeiro, eu sou uma apresentadora e ponto. Dito isso, é importante lembrar que tenho uma carreira de 20 anos e não uma carreira que começou de 3 anos para cá”, explicou.

“Não concordo uma mulher querer reduzir outra a uma coisa só, aliás, temos que ser unidas e nos proteger, porque somos um corpo político em constante ataque. Sem contar que é extremamente machista colocar a mulher à sombra de um homem e isso eu nunca vou aceitar! Segundo que não recebi dinheiro do nada. Eu prestei um trabalho honesto e fui paga por ele. Emiti nota fiscal, paguei meus impostos e tenho tudo comprovado desde o primeiro trabalho que fiz, lá em 2004”, continuou, referindo-se à matéria publicada pelo site O Antagonista.

Ela acrescentou: “Ao invés da clareza, é sempre mais fácil sugerir algo, deixar nas entrelinhas das matérias como se algo escondido estivesse sendo feito. É um disparate uma pessoa que só estava prestando um trabalho ser alvejada. Acho que se vai expor os dados, o mínimo é que se mostre a realidade e não só fatos pincelados. Por que em momento algum foram citadas as campanhas que fiz de incentivo à vacinação, cuidados durante a pandemia e outros? Desqualificar a reputação de alguém é sempre mais fácil, mas é algo grave”, pontuou.

Comentários