CURIOSIDADES

Britânica arranca 11 dentes sozinha por falta de dinheiro: "Foi no desespero"

Britânica não conseguiu marcar consulta com dentista

Danielle revelou que a remoção dos dentes contou apenas com uma "simples torção ou puxão" - Foto / Reprodução
Danielle revelou que a remoção dos dentes contou apenas com uma "simples torção ou puxão" - Foto / Reprodução

Redação Publicado em 08/10/2021, às 10h42

Danielle Watts reparou que seus dentes começaram a ficar moles há seis anos, no entanto, por conta da imensa fila de espera, a britânica não conseguiu marcar consulta com o dentista. 

Ela ainda conta, à PAGE NOT FOUND, do jornal Extra, que os atendimentos ficaram escassos por conta da pandemia e, sem dinheiro para fazer um tratamento, suas dores ficaram mais intensas e frequentes. Recentemente, Danielle decidiu arrancar 11 dentes sozinha. Durante a conversa, ela foi questionada sobre ter alguma habilidade odontológica:

"Nenhuma. Foi no desespero mesmo. Não havia outra escolha ao não ser removê-los eu mesma. E os dentes estavam presos por pouco", disse. Ela ainda afirma que não havia cáries ou obstruções, mas que o problema era abaixo das gengivas e que eles já estavam mortos. 

"Eles estavam tão soltos nas minhas gengivas que era apenas uma simples torção ou puxão. Foi assim que fiz, sem alicate, nem nada". A britânica alega que os outros dentes não estão sadios e que a maioria de suas raízes está exposta, além de os dentes também estarem moles. "Então eles acabarão como o resto eventualmente."

Danielle diz que irá tentar uma consulta pelo sistema de saúde pública, o NHS: "Sim. Se eu não encontrar um dentista do NHS, terei que removê-los, como fiz com os outros". Questionada sobre como se sente, ela diz que sua autoestima está muito baixa. "Eu tenho vergonha de aparecer com esse visual na frente das pessoas. A dentadura significaria o mundo voltando a sorrir para mim", lamentou. 

Comentários