BBB 20

BBB 20: Jonas Sulzbach defende a mulher, Mari Gonzalez, após fala sobre zoofilia

Marido da ex-panicat Mari Gonzalez, Jonas Sulzbach recorreu às redes sociais para defendê-la após a modelo ser acusada na web de fazer "apologia à zoofilia"...

Jonas Sulzbach foi às redes sociais para defender a mulher, Mari Gonzalez, após fala sobre zoofilia no BBB 20 - Foto: Reprodução/ Instagram
Jonas Sulzbach foi às redes sociais para defender a mulher, Mari Gonzalez, após fala sobre zoofilia no BBB 20 - Foto: Reprodução/ Instagram

Redação Publicado em 27/01/2020, às 16h36 - Atualizado às 19h36

Marido da ex-panicat Mari Gonzalez, Jonas Sulzbach recorreu às redes sociais para defendê-la após a modelo ser acusada na web de fazer “apologia à zoofilia”.

No reality, Mari e Felipe Prior estavam falando sobre fetiches até chegarem ao tema de zoofilia:

“Os peões da obra em que trabalho já falaram que no nordeste isso é normal. O meu funcionário ‘comia’ cabra. Ele conta”, disse Felipe. “Mas ele usava camisinha?”, respondeu Mari. O brother respondeu que não.

No Instagram, o ex-BBB saiu em defesa de Mari e explicou que ela não estava fazendo apologia à zoofilia, como muitos internautas disseram:

“Os brothers estavam falando sobre diversos fetiches estranhos até o momento em que a Mari falou ‘tem gente que gosta até de fazer sexo com animal’, já achando absurdo. Ela deixou bem claro que tem pessoas que gostam, mas em nenhum momento concordou com isso. Ela sabe que é crime e tem pavor, sou prova viva disso”, disse Jonas.

Ainda no domingo, a polêmica chegou aos ouvidos de Bruno Lima, delegado e deputado estadual de São Paulo, que irá entrar com uma representação no Ministério Público do Rio de Janeiro, para apurar se houve crime de apologia à zoofilia.

“Após esse triste episódio do ‘BBB20’, em que batem um papo sobre zoofilia, nossa equipe está estudando as medidas legais do que podemos fazer para não ficarmos só na teoria. Provavelmente vamos fazer uma representação no Ministério Público do Rio de Janeiro para apurarem os fatos. Zoofilia é crime, não é normal. Queria vê-los fazendo resgate de animal estuprado e falarem que é normal”, postou Bruno, em seu Instagram.

Em vídeo, Jonas reforçou que Mari é contra abusos e que ama animais:

“Mari ama animais. Temos três cachorros que são nossa vida. Ficou mal interpretada essa conversa. É um assunto polêmico e ela repudia isso”, garantiu o modelo.

Ativista e protetora dos direitos dos animais, Luisa Mell também se pronunciou sobre a fala dos dois:

“Eu não conheço a Mari Gonzalez, mas este é um pensamento podre, perverso e egoísta! Nunca vou me calar diante de atrocidades e violência contra animais. E como se não bastasse a ignorância de quem faz, ainda pessoas com milhões de seguidores, e em rede nacional, falam que é ‘mara’(vilhoso)? Acho que ela pode melhorar, aprender, mas tem que ficar claro que errou feio. A participante não tem que ser apedrejada, mas não podemos admitir que um diálogo imbecil e com estímulo à violência contra animais passe impune. Zoofilia é estupro”, protestou.

Agora a tarde, Mari e Felipe foram chamados ao confessionário pela produção do programa.

Comentários