MISS BUMBUM

Miss Bumbum sofreu dois abortos e descobriu traições do marido: “Achava que eu era o problema”

Maya Dhurval é dançarina e resgatou amor próprio após silicone

Maya Dhurval sofreu dois abortos e descobriu traições do marido - Foto: Reprodução/ Instagram@mayadhurval
Maya Dhurval sofreu dois abortos e descobriu traições do marido - Foto: Reprodução/ Instagram@mayadhurval

Redação Publicado em 20/06/2022, às 08h45

A dançarina Maya Dhurval, de 33 anos, que representa o Espírito Santo na nova edição do Miss Bumbum, contou que as próteses de silicone dos seios ajudaram a reencontrar o amor próprio após descobrir uma série de traições do marido e de dois abortos espontâneos.

Morando em Londres, na Inglaterra, atualmente, a modelo se casou aos 15 anos e se separou aos 24 anos. Durante o relacionamento, ela engravidou duas vezes e sofreu dois abortos espontâneos 一 o primeiro depois de 18 semanas, e o segundo após 21 semanas.

Com a vida amorosa despedaçada e o sonho de se tornar mãe comprometido, Maya desenvolveu depressão e só conseguiu dar a volta por cima quando passou a cuidar de si mesma. O ponto de virada definitivo foi o silicone nos seios.

Maya Dhurval antes e depois do silicone e do resgate da autoestima
Maya Dhurval antes e depois do silicone e do resgate da autoestima - Foto: Arquivo pessoal


“Por conta da traição, eu achava que o defeito estava em mim, eu me sentia feia e não me sentia desejada. Então, quando decidi colocar silicone e fazer algo por mim, descobri o amor próprio, que  mudou a minha vida, o meu trabalho com a dança e a minha auto estima, me redescobri e dei a volta por cima”, explicou ela, que costuma receber muitos elogios nos vídeos de coreografia que compartilha com sues admiradores.

Ao falar sobre a mudança, Maya contou que faz questão de rebater as críticas que recebe por conta do silicone:

“Eles falam sobre a beleza natural ser bonita hoje em dia e nos chamam de plastificada, que não é mais bonito ter silicone. Sei que o explante está muito mais comum do que o implante, mas muitas pessoas ainda precisam do silicone para se aceitarem e resgatar quem elas são. Precisam dessa cirurgia como um complemento para se amarem de novo”, desabafou.

De bem com a vida, a modelo contou que quer inspirar outras mulheres a resgatarem a autoestima:

“Meus seios são sexy. Essa escolha foi um ato de amor e me sinto muito mais confortável em usar um decote, colocar um lingerie e tirar uma foto sensual, vestir uma roupa mais decotada por conta deles. Hoje eu sinto que eu dei a volta por cima e quero inspirar mais mulheres com a minha história”, completou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Maya Dhurval (@mayadhurval)

 

Comentários