Cenapop
FAMOSOS

Porta dos Fundos é acusado de preconceito etário ao publicar vídeo e recebe notas de repúdio

Instituto Ethos e a plataforma Labora publicaram notas por conta do vídeo

No esquete, o personagem se refere à mãe de 57 como se fosse criança incapaz
No esquete, o personagem se refere à mãe de 57 como se fosse criança incapaz - Reprodução/Instagram

Redação Publicado em 19/01/2021, às 10h26

O canal do Porta dos Fundos publicou um vídeo com participação do humorista Fábio Porchat e recebeu notas de repúdio por preconceito etário ("idadismo"), segundo a colunista Patrícia Kogut.

O Instituto Ethos e a plataforma Labora publicaram notas de repúdio nesta segunda-feira (18/01), por um "suspoto 'humor', que reforça os esterótipos equivocados".

O personagem interpretado por Fábio Porchat, no esquete, refere-se à mãe de 57 anos como se fosse uma criança incapaz, ainda segundo a nota, que menciona 'preconceito etário'. 

Já a empresa HUB 40+ citou que os brasileiros com mais de 60 anos são uma parte da população que possui o maior poder aquisitivo: 92% das pessoas na faixa etária possuem um smartphone, 80% Whatsapp e 87% Facebook. Procurado pela F5, o canal disse que não irá se manifestar sobre a acusação. 

 

Comentários