Cenapop
FAMOSOS

Após cirurgia de transição de gênero, Jessica Alves afirma não querer ser chamada de 'Barbie Humana'

Apresentadora revelou que também não gostava do apelido de 'Ken Humano'

Jessica realizou uma cirurgia recente na Tailândia
Jessica realizou uma cirurgia recente na Tailândia - Reprodução/Instagram

Redação Publicado em 02/03/2021, às 11h07

A apresentadora brasileira Jessica Alves afirmou que, após realizar a cirurgia de transição de gênero, não quer ser mais chamada de 'Barbie Humana', de acordo com o site britânico, Mirror

Famosa por ser apelidada de 'Ken Humano', anteriormente, Jessica foi operada recentemente em uma clínica na Tailândia. Em entrevista à revista New!, ela desabafou: "Eu odiava o apelido de 'Ken Humano'. Acho que aconteceu quando eu estava exagerando. Espero que as pessoas não me chamem de 'Barbie'".

Ela ainda comentou como se sentia presa e deprimida quando ainda era conhecida pelo nome de batismo: "Estava em um lugar muito ruim". Sua decisão de realizar a cirurgia de redesignação sexual surgiu após descobrir que sofria de disforia de gênero ao passar por consulta com um psiquiatra. 

A apresentadora decidiu se assumir como uma mulher transgênero e começou a ser chamada de Jessica: "Acho que é um nome que combina comigo e que funciona em qualquer língua". Jessica comentou sobre sua operação, que aconteceu em fevereiro, em uma entrevista recente ao programa 'This Morning': "A estética da minha vagina é exatamente a mesma de uma vagina biológica; eu olho para ela o tempo todo".

Já ao jornal Daily Mail, ela afirmou: "Parece que nasci de novo aos 37 anos. Adoro a minha vagina nova, está um pouco inchada, mas é muito bonita. Agora posso começar minha nova vida como uma mulher feliz". Ela chegou a investir cerca de £ 600 mil, aproximadamente R$ 4,73 milhões em vários procedimentos estéticos, antes de anunciar que era mulher transgênero e ir em busca da cirurgia.

Comentários