Cenapop
FAMOSOS

Elaine Mickely relembra susto com internação de César Filho após diagnóstico de Covid: "Rezava sem parar"

Família do apresentador passou por momentos de tensão após ser internado

Elaine também falou sobre ter cogitado recusar oportunidade para papel em 'Império'
Elaine também falou sobre ter cogitado recusar oportunidade para papel em 'Império' - Reprodução/Instagram

Redação Publicado em 21/04/2021, às 08h13

A atriz Elaine Mickely relembrou do susto que levou, em entrevista à coluna de Patrícia Kogut, após o marido, o apresentador César Filho, ser internado ao ser diagnosticado com Covid-19 no início do ano. 

Elaine também falou sobre ter cogitado recusar oportunidade para papel em 'Império'. Na época, a atriz foi convidada para fazer uma participação e acabou surpreendendo com osucesso de sua personagem, além de entrar para o elenco fixo: "Quando fui convidada para interpretar a Xênia, fiquei um pouco receosa de ser um trabalho mais sensual, com pouca roupa, algo que nunca busquei na minha carreira. Cheguei a pensar em recusar, mas a produção da novela me tranquilizou e eu topei."

"E foi maravilhoso, porque a personagem cresceu demais durante a história. Eu não tinha qualquer experiência como rainha de bateria e tive que fazer algumas aulas para me preparar". Ela ainda admite que seu momento mais marcante foi quando gravou no meio do Sambódromo da Marquês de Sapucaí, quando estava vazio: "Eu já tinha desfilado em algumas escolas na Sapucaí, mas no chão. Não era como passista ou rainha. Então, ver aquele lugar tão representativo completamente vazio, só com a equipe da novela dentro, me marcou demais. Foi emocionante."

Elaine se dedica à família desde o fim da novela, bem como aos trabalhos nas redes sociais. Casada com César Filho, ela é mãe de Luma (20) e Luigi (17): "Tenho entrado muito no meio digital e descobri um novo caminho, inspirando as pessoas e falando sobre temas como beleza. Eu amo atuar. Se aparecer um convite bacana, vou aceitar com certeza. Mas acho que tudo tem o seu tempo, então, não fico angustiada. Eu fiz muita coisa na TV, como novelas e programas como a "Escolinha do Professor Raimundo"."

"O cinema foi algo que não consegui fazer ainda e tenho muita vontade", revela. A atriz também relembrou dos momentos de tensão que sua família passou após o apresentador ter sido internado com coronavírus:

"Eu e ele pegamos a doença, mas eu fiquei assintomática. Tentamos postergar ao máximo a necessidade de levá-lo ao hospital, com muito medo. Em casa, durante a madrugada, teve momentos em que ele piorou demais. Só pode ter sido Deus que o segurou vivo. Eu rezava sem parar das 23h às 4h."

"Aí percebemos que a internação seria inevitável. E ir para o hospital foi a melhor decisão, porque acabamos descobrindo que, além da Covid e 40% dos pulmões afetados, ele estava com princípio de pneumonia. Graças a Deus ele se recuperou e não ficou com nenhuma sequela", completou.

Comentários