FAMOSOS

Cristina Mortágua diz ter sido abusada na gravidez e desabafa sobre rejeição de Edmundo

Cristina Mortágua falou sobre o assunto ao parabenizar Anitta pelo sucesso alcançado

Cristina Mortágua teve uma duradoura relação com Edmundo - Foto: Reprodução / Instagram
Cristina Mortágua teve uma duradoura relação com Edmundo - Foto: Reprodução / Instagram

Redação Publicado em 16/09/2021, às 16h56

Cristina Mortágua fez um desabafo a respeito dos arrependimentos que teve em sua vida, inclusive a respeito dos preconceitos que, segundo ela, foram perpetuados devido a "essa sociedade hipócrita".

Além disso, falou sobre abusos durante a gravidez e como criou o filho, Alexandre Mortágua, mesmo com a rejeição do pai do rapaz, o ex-jogador de futebol Edmundo.

"Fui abusada, com sutileza, dentro de casa, poderia ter tido o fim da Eliza Samudio, pois um 'peixe' tomou as dores do genitor e me ameaçou de morte ainda barriguda, não é Sr. Pedro? Não acredito e tenho quase certeza que o pai da criança não daria um comando desse, ele, por incrível que pareça, tem bom coração, só não pode mexer no bolso dele", escreveu ela em uma publicação onde parabenizava Anitta pelo sucesso conquistado.

Cristina ainda comentou sobre como teve que lidar com a rejeição pública do ex-jogador. "Quanta culpa eu carreguei tendo que educar um filho sozinha. Normal para muitas mulheres, mas para uma mulher que teve um filho de um ídolo do futebol que o rejeitou publicamente", relatou.

"E a mídia não teve a misericórdia de preservar uma grávida e uma criança na barriga. Não existe dor maior. Eu acordava e ia dormir para encher aquele menino de amor, pois eu não tive nenhum na infância", explicou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por cristinamortaguaoficial (@cristinamortaguaoficial)

Nesta semana, a ex-modelo de 51 anos resolveu pedir a ajuda na web para custear tratamentos e os remédios 一 ela foi diagnosticada com transtornos depressivos e menopausa 一 e acabou sendo duramente criticada por seus seguidores.

Após passar mal no último domingo (12/09), a modelo foi ao pronto-socorro e disse que não tem como pagar pelos remédios, além de não receber ajuda da família.

“Estou sem dinheiro e cheguei a pedir ajuda porque é um caso de doença. Me mandaram procurar o SUS e eu apaguei os posts. Vou sobreviver a dor do jeito que Deus quiser. Tem gente que só dá valor ao dinheiro ou depois que a pessoa morre”, disse ela, à coluna de Fábia Oliveira, do jornal o Dia.

Cristina acrescentou: “Ela [a mãe dela] ainda diz que está perdendo dinheiro comigo em um dos seus imóveis”, continuou.

Por conta da crise recente, Cristina deverá ficar de repouso absoluto pelos próximos dias. À publicação, ela contou que aproveitará o tempo para tentar finalizar o livro que está escrevendo:

“Vou falar sobre relacionamentos tóxicos e abusivos. Eu acabei de publicar nas minhas redes sociais um conto verídico, que está nessa publicação. Conto sobre uma relação que tive com um homem na época que o meu filho, Alexandre, tinha seis anos e isso foi no início dos anos 2000. Hoje, esse rapaz é político e prega a moral e os bons costumes. Ah... e ainda usa a religião para se promover”, completou.

Comentários