Cenapop
TV

Livro homônimo de Caco Barcellos irá ganhar série no Globoplay

'Rota 66' conta sobre esquadrão da morte da Polícia Militar entre os anos 70 e 90

Editado pela primeira vez em 1992, o livro ganhou o Prêmio Jabuti na categoria Reportagem no ano seguinte
Editado pela primeira vez em 1992, o livro ganhou o Prêmio Jabuti na categoria Reportagem no ano seguinte - Divulgação/TV Globo

Redação Publicado em 24/03/2021, às 07h54

O livro homônimo de Caco Barcellos, 'Rota 66', irá ganhar uma série e será produzido pelo Globoplay, segundo a colunista Patrícia Kogut

A história fala sobre o esquadrão da morte da Polícia Militar de São Paulo entre os anos 70 e 90 e já possui elenco sendo procurado para o projeto, que ficou a cargo da Boutique Filmes. 

Por conta da pandemia da Covid-19, o início das gravações ainda não tem previsão. Os roteiros serão escritos por Teodoro Poppovic, que é autor de 'Feras', da MTV, também no Globoplay, e que também integra a equipe da série 'El Presidente', na Amazon.

Editado pela primeira vez em 1992, o livro ganhou o Prêmio Jabuti na categoria Reportagem no ano seguinte. Ele comenta sobre a atuação da unidade Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota).

Atual apresentador do 'Profissão Repórter', na Globo, Caco teve uma longa investagação conseguindo reunir diversos dados sobre a violência policial, além de identificar milhares de pessoas mortas. 

Recentemente, o SPLASH publicou curiosidades sobre o jornalista, afirmando que ele chegou a cursar dois anos de matemática para tentar se tornar um engenheiro civil, não concluindo o curso. 

Após a primeira tentativa, ele decidiu tentar jornalismo, dois anos depois, se formando pela PUC-RS. Um dos repórteres mais renomados, ele já esteve à frente de diversas grandes coberturas, como o massacre do Carandiru, que aconteceu em 1992, conseguindo encontrar ossadas humanas, identificadas como vítimas da repressão. As vítimas foram consideradas 'desaparecidas' na época da Ditadura Militar. 

Comentários