Quem é pop, por Fabiano de Abreu

Mc Guimê… “Olha onde a gente chegou”

E se o assunto é música do momento, nada como uma matéria com MC Guimê, produzida por nosso Jornalista, Eduardo Duarte (Duda Duarte) exclusivamente para você

Fabiano de Abreu Publicado em 08/03/2016, às 02h59

E se o assunto é música do momento, nada como uma matéria com MC Guimê, produzida por nosso Jornalista, Eduardo Duarte (Duda Duarte) exclusivamente para você que acompanha nosso canal. Para quem não sabe, o funkeiro foi criado em Osasco, na periferia de São Paulo, filho de um humilde eletricista e tem apenas 23 anos. Já possui uma legião de seguidores nas redes sociais e dezenas de milhões de visualizações no You Tube. MC Guimê é um vitorioso. Venceu as dificuldades no passado e hoje comemora seu espaço no disputado mainstream da Música Brasileira.

Guimê já era conhecido pelas músicas “Plaquê de 100” e “Na Pista Eu Arraso”, antes de seu maior sucesso, o hit “País do Futebol” – com a participação do rapper Emicida – que o levou para outro nível. Em 2014, o cantor fez uma parceria internacional com o rapper Soulja Boy e criaram “Brazil We Flexing”.

Apesar da correria dos muitos shows que faz pelo Brasil, Guimê aceitou trocar uma ideia com o Live Entretenimento. Dá uma olhada e “vai segurando!”:

Duda Duarte: Guimê, quais são seus maiores ídolos na música? Tem alguém que você sonha em trabalhar?

MC Guimê: Meus maiores ídolos Brasileiros são os Racionais MC’s. Outro ídolo que tive o prazer de gravar uma música foi o rapper de sucesso nacional, Emicida. E existem vários internacionais, como o Wiz Khalifa, por exemplo.

Duda Duarte: Você teve a oportunidade de fazer uma música com o Soulja Boy e conhecer o grande hit maker DJ Khaled. Como foram essas experiências?

MC Guimê: Foram experiências que nunca esquecerei. Soulja é um cara super do bem e que conseguimos fazer um trabalho muito legal juntos. O Dj Khaled é um dos maiores do seguimento do hip hop internacional, então não tenho nem palavras pra descrever como foi! Só sei dizer que são sonhos realizando-se!

Duda Duarte: Quando você lembra do início da sua carreira, o que te vem em mente? Quais foram seus maiores obstáculos?

MC Guimê: Quando olho pra trás, vejo um caminho que percorri cheio de realizações. Um cara que saiu da periferia e sonhou, batalhou, sem nunca desistir! Enfrentei muitas críticas e muito preconceito com relação ao estilo musical, a classe social, mas nunca me abati. Tudo isso só me fortaleceu para poder conquistar meus objetivos!

Duda Duarte: Hoje você tem uma legião de fãs. Você ainda se surpreende com o carinho deles por você? Como você tenta retribuir?

MC Guimê: Sempre sou surpreendido com meus fãs, quando acho que já vi tudo, vem alguma coisa nova, uma homenagem, uma demonstração de carinho! Isso é sempre surpreendente! Retribuo atendendo aos pedidos deles, seja foto, abraços. E claro, não pode faltar muito trabalho novo! Afinal todos os clipes e músicas são feitas para eles!

Duda Duarte: Não deve ser fácil lidar com a fama. A privacidade acaba sendo prejudicada. Como é lidar com tudo isso? Foi difícil se acostumar?

MC Guimê: Realmente não poder andar na rua tranquilo, sozinho é um pouco complicado, mas você acaba acostumando com essa nova vida. Afinal é o reconhecimento de tudo que batalhamos muito para alcançar!

Duda Duarte: Guimê, muito obrigado pela atenção. Agradeço ao seu assessor Gabriel Miquelini e toda sua equipe por aceitarem este convite. Quer deixar um recado para seus fãs?

MC Guimê: Que nunca desistam do que sonham! Que por mais difícil que possa parecer tudo, sempre quando é feito com amor e dedicação, acontece! Mais cedo ou mais tarde! Tamo junto sempre!!! Pow. Pow. Pow. Vai segurando!!!

Comentários