Cenapop
FAMOSOS

Funkeiro que tatuou rosto de Anitta diz que irá cobrir o desenho: “Incomodado”

MC Andinho contou que irá cobrir a tatuagem que fez para homenagear Anitta
MC Andinho contou que irá cobrir a tatuagem que fez para homenagear Anitta - Foto: Reprodução/ Instagram

Redação Publicado em 08/06/2020, às 06h14

Após abrir para Anitta no Rock in Rio, no ano passado, MC Andinho, dos hits Já é Sensação e Corpo Nu, resolveu homenagear a cantora tatuando seu rosto em um dos braços.

Passado alguns meses, no entanto, o funkeiro contou que pretende cobrir o desenho. À coluna de Fábia Oliveira, do jornal O Dia, ele contou que tomou a decisão após pesquisar por “idolatria”.

“Tenho muito amor e carinho por ela, sobretudo gratidão. Mas, depois que fiz o desenho, muitas pessoas, principalmente no meu dia a dia me falavam sobre idolatria, para eu estudar sobre, e eu passei me sentir muito incomodado com o que pesquisei”, contou.

À publicação, Andinho contou que já sabe qual desenho fará para cobrir o rosto da cantora.

“Passei a ter alguns sonhos que prefiro não revelar, mas nada com a Anitta, entre eu e Deus e resolvi fazer um Leão para cobrir. Sigo com o mesmo sentimento por Anitta. O que ela fez por mim e pelo funk não se paga com tatuagem, vai além da pele. Quando fiz o desenho queria registrar aquele dia, que foi surreal e, claro, agradecer. Mas ela sabe da minha índole, como disse, vai além”, explicou.

Na época em que fez a tatuagem, MC Andinho disse que Anitta era um “tesouro da nossa música” e que a cantora era a maior “empreendedora musical” do país.

“Resolvi fazer essa singela homenagem porque o funk tem uma referência para falar daqui a 100 anos e eu quero valorizá-la agora. Anitta é o tesouro da nossa música, pelo talento, sobretudo pela inteligência de explorá-lo. A maior empreendedora musical que já vimos. Estudei Anitta, mas não consegui interpretá-la, esse furacão”, disse ele, ao jornal Extra.

Comentários