Cenapop
FAMOSOS

Bruna Surfistinha abre o jogo sobre timidez e revela: “Acham que vou numa festa e dar para todo mundo”

Bruna Surfistinha contou em live que é extremamente tímida
Bruna Surfistinha contou em live que é extremamente tímida - Foto: Reprodução/ Instagram

Redação Publicado em 16/09/2020, às 15h17

Raquel Pacheco, a Bruna Surfistinha, contou que, ao contrário do que muita gente imagina, ela é uma pessoa bastante tímida.

Durante uma live no Instagram, a ex-garota de programa – que inspirou livro, série e até um filme com a atriz Déborah Secco – explicou que as pessoas tem uma impressão errada sobre sua maneira de se comportar por conta de sua história.

“Eu sou muito tímida, minha vida é muito normal, não tenho muito o que mostrar nas redes sociais. Confesso que às vezes eu acabo... não é sendo grossa... às vezes a minha indiferença acaba sendo uma grosseira. As pessoas imaginam que eu vou chegar em um lugar e dar pra todo mundo, vou distribuir, vamos lá, galera... Não sou assim, não esperem isso de mim”, avisou ela.

Participação em A Fazenda

Uma das participantes de A Fazenda, Raquel disse que mostrou sua verdadeira personalidade no reality.

“Eu fui a Raquel no reality. Talvez seja por isso que eu não ganhei... cheguei na final, fiquei em terceiro lugar. Eu sempre decepcionei as pessoas que imaginavam que eu ia brigar com as mulheres e dar para todos os homens do programa. Na época, eu era casada, tinha esperança de reconquistar meus pais. Enxerguei na atração uma possibilidade de mostrar quem é a Raquel”, contou.

O reality da RecordTV, segundo ela, marcou uma transição importante em sua vida.

“Numa conversa que eu tive com a Valesca (Popozuda) durante o reality, eu disse que nunca havia me sentido tão Raquel. Eu falei: ‘vou sair daqui muito mais a Raquel mandando na Bruna, do que a Bruna mandando na Raquel’. A visão que eu tenho da Bruna é a de uma personagem hoje em dia. Foi meu nome de guerra, que eu usei na prostituição, acabou se tornando uma marca e um personagem”, declarou.

Autoteste de HIV

Durante a transmissão, Raquel mostrou um autoteste de HIV e usou em si mesma para mostrar como a coisa funciona.

“Como ex-garota de programa, tenho uma voz muito forte para falar principalmente para os jovens, que estão começando a vida sexual agora, o quanto é importante se prevenir. Eu sempre tive muito esse cuidado. Sempre digo que a garota de programa, na verdade, se cuida muito mais do que as pessoas que não fazer parte da prostituição”, disse ela, segurando o autoteste na mão.

“Sempre me preocupei muito com a saúde, então eu acho que esse autoteste de HIV é muito bacana por causa da discrição, já que você pode fazer em casa, no banheiro, sem ninguém saber que você está fazendo. Essa questão de proteção é fundamental. Acho importante”, continuou.

“É puta, tem HIV”

Antes de fazer o autoteste ao vivo, Raquel explicou um pouco do funcionamento do produto e aproveitou para desabafar.

“É tipo um teste de gravidez, fica pronto em 15 minutos. É bem fácil de fazer”, começou. “Muita gente fala, não vou dizer que é só os homens, porque eu já ouvi de mulher, que ‘é puta, tem HIV’ ou ‘é gay, tem HIV’, eu já ouvi muito isso. Isso não é verdade, todo mundo corre risco. A doença não escolhe. Com esse teste é muito fácil”, ressaltou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Bruna Surfistinha (@bsurfistinhaoficial) em

 

Comentários