FAMOSOS

Caetano Veloso defende Paula Lavigne e pede a liberação de todas as drogas no país

Caetano defende a legalização de todas as drogas no país - Foto: Reprodução/ Instagram Após a polêmica levantada por Paula Lavigne, que foi duramente criticada

Caetano defende a legalização de todas as drogas no país - Foto: Reprodução/ Instagram
Caetano defende a legalização de todas as drogas no país - Foto: Reprodução/ Instagram

Redação Publicado em 09/03/2017, às 12h48 - Atualizado às 13h27

Após a polêmica levantada por Paula Lavigne, que foi duramente criticada e acusada por internautas de fazer apologia às drogas, depois de compartilhar um vídeo em que aparece fumando maconha durante uma viagem ao Uruguai, foi a vez de Caetano Veloso se manifestar sobre o assunto.

Em um vídeo compartilhado por Paula em seu Instagram, o cantor diz ser a favor da liberação de todas as drogas no país.

No registro, Paula questiona: “Você fuma maconha, Caetano?”, questiona Paula. “Não! Deus me livre! Tenho horror à maconha. A sensação que me provoca é péssima. Experimentei nos anos 60 e odiei, detestei”, responde o cantor.

“Mas eu sou a favor da liberação e da legalização da maconha, aliás, de todas as drogas”, continua ele. “De todas?”, segue Paula.

“Sim, de todas. Porque acho que legalizar, com imposto… Isso precisa de um amadurecimento da sociedade, eu até entendo”, continua o cantor. Paula rebate: “Mas tem que tirar a maconha das drogas pesadas…”

E Caetano concorda: “É um bom começo a maconha sair das drogas pesadas, e passar a ser legal, sendo que o álcool é uma droga pesada e é legal”. sendo que o álcool é uma droga legal e é pesado”.

Segundo Paula, o vídeo é uma forma de levar o assunto para ser discutido por todos.

“Caetano Veloso não bebe, não fuma, não usa droga nenhuma e é mais radical que eu quanto a liberação das drogas! Espero que a gente possa ter uma discussão de nível, ninguém precisa concordar com ninguém, e as redes sociais deveriam ser usadas para elevar o nível da conversa e não baixar. Vamos tentar?”, escreveu, ao postar o vídeo.

Entenda a polêmica

A polêmica envolvendo Paula começou na terça-feira (07/03), que a produtora de cinema postou um vídeo em que aparece fumando maconha no meio da rua, em Montevidéu, no Uruguai. Ela defendeu a liberação da erva no Brasil, e alguns seguidores começaram a criticá-la, dizendo que ela estava fazendo apologia às drogas.

Após o burburinho na web, Paula publicou um texto para se defender das críticas, e disse que não estava obrigando ou mandando ninguém fumar maconha. Leia na íntegra:

“Esclarecendo pra alguns que não alcançam o raciocínio: não estou mandando ninguém fumar maconha e, sim, militando pela descriminação dessa. Alguém vai ter coragem de dizer que o álcool devia ser proibido? Qual o valor medicinal do álcool? Muitos países já viram o potencial medicinal da maconha, e no Brasil a pessoa ainda é detida pela polícia se estiver usando maconha. É crime! Álcool vicia muito mais, e no Brasil até menores bebem, não há controle! O nome disso é hipocrisia!”.

Comentários