Cenapop
Crítica

Crítica | Luna Nera, série italiana na Netflix, cativa por sua mensagem às mulheres

Crítica | Luna Nera, série italiana na Netflix, cativa por sua mensagem às mulheres
Crítica | Luna Nera, série italiana na Netflix, cativa por sua mensagem às mulheres - Foto: Reprodução/Netflix

Redação Publicado em 03/02/2020, às 01h13

Ambientada em 1600, na Itália, no meio da Inquisição, a trama de Luna Nera acompanha Hades, uma parteira de 16 anos que se refugia em uma misteriosa comunidade de mulheres na beira da mata depois de ser acusada de feitiçaria devido à morte de um recém-nascido.

A jovem então passa a ser forçada a escolher entre o amor proibido por Pietro, filho do líder dos caçadores de bruxas, Benandanti, e uma estrada que a levaria a se tornar uma líder do misterioso grupo de mulheres.

Produzida, escrita e dirigida por mulheres, Luna Nera tem uma poderosa mensagem de apoio às mulheres, incluindo situações que, apesar de se passarem séculos atrás na história, podem ser refletidas em momentos do cotidiano.

O Canal Cinco Tons produziu esta crítica. Veja:

Comentários