Cenapop
CINEMA

Quentin Tarantino insinua que Era Uma Vez Em Hollywood pode ser seu último filme

Quentin Tarantino insinua que Era Uma Vez Em Hollywood pode ser seu último filme
Quentin Tarantino insinua que Era Uma Vez Em Hollywood pode ser seu último filme - Foto: Reprodução/Instagram

Redação Publicado em 04/07/2019, às 14h18 - Atualizado às 14h41

Prestes a lançar Era Uma Vez em Hollywood nos cinemas, Quentin Tarantino deu uma declaração que surpreendeu seus fãs: este pode ser seu último filme.

Desde a década de 90, o diretor de clássicos como Pulp Fiction – Tempo de Violência e Kill Bill tem insistido que sua carreira abrangeria apenas 10 filmes. No entanto, em entrevista para a revista GQ Australia, ele pareceu propenso a mudar de ideia e encerrar sua filmografia com seu nono longa, que é estrelado por Leonardo diCaprio e Brad Pitt.

“Se (o seu novo filme) for muito bem recebido, talvez eu não vá para 10”, afirmou o diretor para a publicação. “Talvez eu pare agora. Talvez eu pare mais à frente. Veremos”, ponderou.

Em seguida, Tarantino explicou sua mudança repentina de posição. “Eu acho que quando se trata de filmes, eu cheguei ao fim da estrada”.

Era Uma Vez em Hollywood foi escrito por Tarantino nos últimos seis anos, período em que ele também lançou Os Oito Odiados, que foi recebido com críticas mistas pelo público e crítica. No novo trabalho, ele produz uma verdadeira carta de amor para uma época em Hollywood – e o cinema como um todo – que já não existe mais.

“Passei a minha vida inteira pesquisando. Passei minha vida inteira conhecendo este mundo. Então agora posso finalmente fazer algo com tudo o que tenho enchido meu cérebro nos últimos 56 anos”, declarou.

Brad Pitt não duvida da aposentadoria de Tarantino

Brad Pitt, co-astro de Era Uma Vez em Hollywood, também falou com a mesma publicação, e disse acreditar que Tarantino só irá dirigir mais um filme, se for o caso.

“Não, eu não acho que ele está blefando em tudo”, disse. “Eu acho que ele está falando sério. E eu meio que lamento abertamente isso para ele, mas ele entende a matemática de quando se sente que os diretores começam a cair do jogo”, afirmou.

Esta é a segunda colaboração de Pitt com filmes de Tarantino. A primeira foi com o celebrado Bastardos Inglórios, em 2009, indicado para 7 Oscars.

No fim das contas, o diretor garante que não deixará o mundo do entretenimento, mesmo que deixe de comandar produções para o cinema. “Eu me vejo escrevendo livros de filmes e começando a escrever teatro, então ainda serei criativo. Eu só acho que dei tudo o que tenho para dar aos filmes ”, concluiu.

LEIA MAIS

Carol Dantas exibe o barrigão na reta final da gravidez
Em Portugal, Pedro Scooby se diverte com os filhos
Anitta responde a críticas por levar pet para premiação
Pedro Scooby saúda Anitta por vitórias em premiação
Ingra Lyberato e Almir Satter se reencontram depois de 29 anos
Termina o casamento de Valéria Valenssa

Veja mais notícias de Famosos.

Brad Pitt e Leonardo diCaprio em cena de Era Uma Vez em Hollywood, novo filme de Tarantino – Foto: Reprodução/Instagram

Comentários