Carnaval 2018

Valéria Valenssa fala sobre Carnaval e afastamento do cargo de Globeleza: “Fiquei bem triste”

Aos 46 anos, Valéria Valenssa será musa de camarote na Marquês de Sapucaí - Foto: Reprodução/ Instagram Atualmente evangélica, Valéria Valenssa, a eterna

Aos 46 anos, Valéria Valenssa será musa de camarote na Marquês de Sapucaí - Foto: Reprodução/ Instagram
Aos 46 anos, Valéria Valenssa será musa de camarote na Marquês de Sapucaí - Foto: Reprodução/ Instagram

Redação Publicado em 05/02/2018, às 11h55 - Atualizado às 12h01

Atualmente evangélica, Valéria Valenssa, a eterna Globeleza, está prestes a voltar à Sapucaí de um jeito diferente; ela será musa de um camarote desenhado pelo marido, o designer Hans Donner – responsável por muitas das vinhetas de carnaval da TV Globo.

Aos 46 anos (e longe da folia há 14), Valeria contou que ficou muito triste com o fim de seu reinado como Globeleza, e que Deus e a religião ajudaram a acalmar seu coração nos momentos de maior aflição:

“Virei evangélica depois. Deus sempre esteve presente na minha vida. Ele não poderia me abandonar no momento em que mais precisei dEle, que foi quando deixei de ser Globeleza. Fiquei bem triste ao deixar o posto, e Deus e a religião acalmaram meu coração”, declarou.

À revista Época, Valéria explicou que o carnaval não tem mais espaço em sua vida como antigamente:

Valéria Valenssa e Hans Donner – Valéria Valenssa e Hans Donner – Foto: TV Globo / Renato Miranda

À publicação, Valéria também falou sobre assédio, e explicou que nunca passou por uma situação indecente:

“Nunca fui assediada ou recebi qualquer proposta indecente, nada disso. Sempre fui respeitada e recebi muito carinho do público. E também, logo em seguida, como mulher do Hans, a possibilidade de qualquer situação como essa acontecer simplesmente deixou de existir”, explicou.

No final, Valéria ainda escolheu a grande musa do Carnaval 2018 em sua opinião: Renata Santos, musa da Estação Primeira de Mangueira.

Ansiosa para voltar à Marquês de Sapucaí, Valéria completou: “Vai ser difícil segurar a emoção. Tudo é um ciclo e, neste momento, sou feliz como estou”, finalizou.

LEIA MAIS:

Ivete Sangalo se emociona com homenagem inusitada
Grande Rio: Noiva de Latino promete ousadia
Baile do Copa: Isis Valverde dá dica da fantasia

Veja mais notícias de Carnaval 2018.

Valéria Valenssa em 2005, quando passou a faixa de Globeleza para a niteroiense Giane Carvalho – Foto: TV Globo

Comentários