A FAZENDA

A Fazenda 2021: Duda Reis fala sobre expulsão de Nego do Borel: "Tive gatilhos enormes"

Duda Reis namorou com Nego do Borel, e hoje o acusa de agressão e abuso

Duda Reis falou sobre a expulsão de Nego do Borel em "A Fazenda 13" - Foto: Reprodução / Instagram
Duda Reis falou sobre a expulsão de Nego do Borel em "A Fazenda 13" - Foto: Reprodução / Instagram

Redação Publicado em 25/09/2021, às 19h31

Duda Reis falou pela primeira vez sobre a expulsão de Nego do Borel em "A Fazenda 13" (RecordTV). O funkeiro foi acusado de tentar abusar sexualmente de Dayane Mello, que estava bêbada e semi-consciente durante a madrugada deste sábado (25/09).

A influencer e atriz foi namorada do funkeiro, e hoje o acusa de agressão e abuso psicológico e sexual, além de outros crimes, enquanto estiveram juntos.

Através do Stories, ela escreveu um texto sobre sua reação ao acontecimento. "Oi gente. Pelo bem da minha saúde mental, hoje minha família e minha equipe me afastou das redes sociais. Costumo gravar vídeos falando, porém, ao ver a imagem do meu agressor forçando uma relação sexual com uma mulher 100% vulnerável, automaticamente tive gatilhos enormes e desenvolvi uma série de crises de pânico", começou.

Lembrei do que eu vivia e lembrei de como foi duro ter sido desacreditada por muitas pessoas por muito tempo, enquanto eu me esgoelava para tentar contar o que eu vivi e para ajudar mulheres a não sofrerem o mesmo com o mesmo homem. Tenho pesadelos e flashbacks de inúmeras situações de violência (física e sexual) quase toda semana, e tenho feito diversos tratamentos e sendo muito bem cuidada, porém, os abusadores deixam marcas na alma.

Ela ainda lembrou das brincadeiras que ouvia quando fez as primeiras acusações contra Nego do Borel: "Fizeram muitas piadas, me descredibilizaram, riram da minha história, me questionaram e para mim, o pior: colocaram um agressor com três processos de três ex-namoradas diferentes sobre violência doméstica na televisão".

"Já não é fácil denunciar, tenho a sensação que as pessoas não querem acreditar na vítima e optam sempre por quererem mudar a imagem do agressor. Nos últimos tempos senti dentro de mim uma dor e um silenciamento, que ninguém nunca terá noção", prosseguiu.

Duda relembrou seu tempo ao lado do cantor. "Às vezes lamento por eu ter apenas 20 anos e ter a sensação que o meu brilho e minha juventude foram tomados de mim, é dolorido lembrar que meu corpo foi tocado inúmeras vezes sem o meu consentimento e que meu corpo foi maltratado".

"Essa mensagem é para dizer que, estou bem, vou continuar tentando ser forte (apesar de não estar sendo mais fácil para mim) e para principalmente, dizer que por mais que muitas pessoas tivessem zombado de mim, diminuído as minhas dores e desacreditado de mim: Deus sabe o que faz. Bastaram apenas duas semanas para vocês conhecerem 1/3 do que tal homem é capaz de fazer (garanto que a convivência, sem ser gravada é muito pior)", finalizou, publicando no feed a imagem de uma mulher agredida.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Duda Reis (@dudareisb)

 

O caso Nego do Borel

A informação da expulsão de Nego do Borel foi confirmada pelo staff do cantor no fim da tarde. A RecordTV se manifestou no começo da noite, confirmando a saída de Nego do Borel do programa. "Diante dos fatos apurados, a direção da Record TV decidiu pela retirada do Nego do Borel da competição. Todos os detalhes serão esclarecidos ao público no programa deste sábado", disse o tuíte.

A situação começou quando Dayane e Nego do Borel se deitaram juntos após a festa que começou na noite de ontem (24/09). Apesar dos pedidos de MC Gui, Solange Gomes e Tati Quebra Barraco, o funkeiro permaneceu deitado ao lado da modelo, que estava muito bêbada.

Internautas que acompanharam pelo Playplus indicaram que, mesmo ciente da situação, Nego do Borel tentou ter relações sexuais com Dayane, que pediu para ele parar, no que não foi atendida. Nos vídeos capturados pelo público que acompanhou o streaming, é possível ouvir gemidos masculinos.

A atitude revoltou os usuários de redes sociais, que exigiram a expulsão do cantor durante todo o dia.

A equipe jurídica de Dayane foi para a porta do confinamento em Itapecerica da Serra, região metropolitana de São Paulo, acompanhada de três viaturas da GCM (Guarda Civil Metropolitana) para tentar entrar na sede.

"A polícia precisa entrar na sede para que sejam recolhidas as evidências do ocorrido, como roupas de cama, preservativo, vestimenta da vítima e do acusado, depoimentos, entre outros", disseram os responsáveis pela defesa da modelo através do Twitter.

O texto prosseguiu: "A polícia e a equipe jurídica estão na porta da sede de 'A Fazenda' neste exato momento, tentando contato imediato para que o jurídico e as autoridades possam a dar andamento nos trâmites legais do caso. Infelizmente a produção está dificultando o contato e averiguação dos fatos".

Já no começo da tarde, a equipe de Nego do Borel se pronunciou a respeito das acusações que estão sendo feitas a ele desde a madrugada.

"A equipe do Nego do Borel está acompanhando as graves acusações feitas contra o participante. Somos totalmente favoráveis a apuração de todos e quaisquer fatos que ocorram dentro do reality, bem como a oitava de todos os envolvidos", disseram os responsáveis pela defesa do cantor nas redes sociais.

O texto continuou: "Não se deve tomar nenhuma conclusão com base em vídeos cortados e áudios embaralhados. Um tema grave como esse não pode ser arma de torcida de reality show, bem como não pode ser objeto de julgamento na internet".

Comentários