Cenapop
A Força do Querer

Em A Força do Querer, Silvana terá crise de abstinência após parar de jogar

Silvana decidirá parar de jogar após ficar em cativeiro em A Força do Querer
Silvana decidirá parar de jogar após ficar em cativeiro em A Força do Querer - Foto: TV Globo

Redação Publicado em 24/07/2017, às 09h37

Silvana (Lilia Cabral) terá uma grave crise de abstinência após decidir parar de jogar em A Força do Querer.

Após ficar prisioneira em um clube de jogo por não conseguir pagar uma dívida, a mulher de Eurico (Humberto Martins) começará a perceber que o jogo está atrapalhando sua vida.

Após ser salva por Bibi (Juliana Paes), ela decidirá não apostar nunca mais. Depois do ocorrido, ela chegará em casa e desabafará com Dita (Karla Karenina):

“Achei que não voltava. Eu presa ali, aqueles brutamontes na porta… Me deu uma saudade tão grande de vocês, dessa casa. Não quero mais saber de jogo. Acabou. Não quero mais”, dirá ela.

“Ai, graças a Deus. Tomara que dessa vez…”, responderá Dita.

“Estou dizendo pra você. Já tomei essa decisão e pronto. Não sou nenhuma descontrolada. Fui por curiosidade, conhecer outra mesa e me dei mal, mas me acordou também”, explicará a arquiteta.

Decidida, ela pedirá para Simone (Juliana Paiva) deletar todos os jogos de seu computador.

A parada repentina, no entanto, transformará Silvana, que começará a ficar agressiva, irritada e muito entediada. A arquiteta não conseguirá dormir, e fará com que Eurico perceba que há algo errado.

“O que é que você tem? Levantou a noite inteira. Não me deixou nem dormir”, dirá ela. “Insônia. Insônia…”, responderá Silvana.

Dita irá comentar com Nonato (Silvero Pereira) a mudança da patroa, e o motorista entenderá de primeira que se trata de abstinência de jogo:

“Abstinência. Crise de abstinência!”, dirá ele. “Você acha que tudo isso é porque ela está sentindo falta do jogo dela?”, responderá Dita.

“Eu acho não: é. Isso é igual a pessoa que bebe, que fuma. Quando você tira a droga a pessoa fica doida”, rebaterá Nonato.

Veja mais de A Força do Querer.

Comentários