“Meus banhos demoravam 10 horas”, diz Luciana Vendramini ao relembrar TOC

Luciana Vendramini no Luciana by Night – Foto: Reprodução

Convidada do Luciana by Night desta terça-feira (31/01), Luciana Vendramini contou detalhes impressionantes sobre o Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC), que desenvolveu aos 26 anos.

O bate-papo virou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais. Aos 46 anos, a atriz não fugiu a nenhuma pergunta feita por Luciana Gimenez, e contou parte das dificuldades enfrentadas por ele nos últimos 20 anos.

“O TOC mascara dores que a gente não consegue falar sobre”, disse a atriz.

A descoberta aconteceu num dia em que estava andando de bicicleta ao redor da Lagoa Rodrigo de Freitas:

“Estava andando de bicicleta na Lagoa e parei. Senti um medo incontrolável e até cheguei a achar que pudesse ser um ataque de pânico, mas não. Naquele momento, estava refém de um pensamento que dizia ‘eu só vou sair daqui depois que passaram três pessoas vestindo camiseta amarela’. Então fiquei lá e comecei a chorar”, relembrou.

O TOC fez Luciana encarar situações de risco para a própria vida, como a vez que ficou muitas horas sob os cabos de alta tensão sem conseguir atravessar a rua:

Luciana Vendramini desenvolveu TOC aos 26 anos – Foto: Reprodução/ Instagram

“Cheguei a ficar 26 horas parada embaixo de um fio de alta tensão tentando atravessar a rua e meus banhos demoravam cerca de 10 horas. A gente adquire manias e fica com uma eterna dúvida. Dizem que ele [TOC] vem para mascarar alguma dor que a gente não consegue falar sobre”, disse.

Outro ponto abordado por Luciana Gimenez foi o polêmico ensaio para a Playboy, quando tinha apenas 16 anos. À apresentadora, a atriz contou que se assustou com o assédio após a publicação das fotos:

“Corriam atrás de mim na rua, dormiam na porta da minha casa, se vestiam de entregador de pizza e ainda tive que mudar de apartamento duas vezes. Aquilo tudo foi algo que eu não esperava, já que me achava sem graça perto dos padrões que via. Então eu não entendia aquele assédio todo”, relembrou.

“O ensaio, na verdade, não tinha ocorrido um convite oficial. Eu achei que poderia ficar interessante, e como eu me achava moderna, achei que conseguiria fazer. Só que eu era virgem, nunca tinha ficado nua na frente de um homem, nunca nem tinha feito uma brincadeira de nu. Quando a gente assinou o contrato e fomos fazer as fotos, aí nós fomos para uma ilha, com a equipe inteira. Aí o Duran [fotógrafo] fala ‘abaixa a alça da camiseta, e deixa um peito só aparecer’. Eu olhei para a minha mãe e disse ‘ele tá louco?’”, completou.

Comentários