Cenapop
FAMOSOS

Morre a mãe do Padre Fábio de Melo, vítima da covid-19

Ela estava internada há algumas semanas depois de ser diagnosticada com a doença

Dona Ana Maria de Melo e o filho, Padre Fábio de Melo
Dona Ana Maria de Melo e o filho, Padre Fábio de Melo - Foto: Reprodução / Instagram

Redação Publicado em 27/03/2021, às 14h57

Na manhã deste sábado (27/03), morreu a mãe do padre Fábio de Melo, dona Ana Maria de Melo. A notícia foi dada pelo próprio religioso através de suas redes sociais. Ela foi internada na UTI de um hospital, por causa das consequências da covid-19.

"Minha mãe partiu hoje. Logo cedo, como quem tem pressa de viver a eternidade. A mim resta a dor térrea, o ferimento que rasga o corpo e a alma. Ela me deu a vida num Sábado de Ramos, como hoje. Nossa simbiose reuniu as regras do nascer e do morrer", escreveu ele na legenda da homenagem publicada a ela em sua conta no Instagram.

Em seguida, fez um agradecimento emocionado a ela. "Obrigado, minha dona Ana! Só Deus e nós sabemos o quanto fomos um do outro. Uma pertença que me fez sofrer, sorrir, amar, aprender, conjugar todos os verbos que tornaram válida a aventura de nossa existência".

"Seguirei hospedando sua memória, levando tudo o que couber dentro de mim.
Um dia, quando eu estava em Fátima, Portugal, eu liguei para a senhora e disse: 'mãe, eu estou em Fátima!'. A senhora imediatamente me disse: 'Então, quando você estiver diante de Nossa Senhora, diga que eu mandei um beijo pra ela. Fala que é a Ana Maria, ela sabe quem é'. Sim, minha mãe, meu pedaço de mim. Na eternidade, onde a pureza e a bondade prevalecem, todos sabem quem a senhora é", finalizou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por pefabiodemelo (@pefabiodemelo)

 

Na semana passada, Padre Fábio usou seu perfil no Instagram para atualizar seus seguidores sobre o estado de saúde da sua mãe.

Ele começou: "Meus queridos amigos, muitas pessoas estão me pedindo notícias da minha mãe. Ontem, ao final da tarde, ela teve um mal-estar súbito. A dificuldade para respirar fez com que aumentassem o volume de oxigênio. Ela está na UTI. É provável que o quadro tenha sido provocado por alguma condição cardíaca."

O padre continuou: "Ela continua feliz, disposta, gentil e grata. Nela não há nenhum vestígio de rancor, mágoa com a doença. Tenho tentado fazer o mesmo. Muito obrigado pelo carinho. De maneira especial a todos os profissionais que estão cuidando dela. A minha mãe é uma aula que nunca termina. Eu tenho a graça de aprender todo dia com ela. Mesmo na dor".

Comentários