Cenapop
FAMOSOS

Com nome sujo, Babu fala sobre vida pós-BBB e revela: “Consegui pagar o meu aluguel”

Ator faz planos para casamento e falou sobre as críticas que recebeu por se vitimizar no reality

Babu Santana falou sobre as críticas que recebeu por se vitimizar no reality e da vida após o programa
Babu Santana falou sobre as críticas que recebeu por se vitimizar no reality e da vida após o programa - Foto: Reprodução/ TV Globo

Redação Publicado em 03/05/2020, às 07h39

Um dos participantes mais icônicos do BBB 20, Babu Santana falou sobre a vida após o reality e contou que a vida já começou a melhorar para ele e para os filhos após a quarta colocação do programa da TV Globo.

Apesar de não ter ido à finalíssima, o ator saiu da atração com dois carros – um que ganhou de Tiago Leifert assim que deixou o BBB e outro de uma concessionária – além de bolsas de estudos para os três filhos em uma escola particular e propostas de trabalho.

Quando entrou no reality, Babu estava devendo o aluguel da casa onde mora com a família na Ilha da Gigoia, no Rio de Janeiro. Ao jornal Extra, o ator contou que já conseguiu resolver a pendência, e espera que a vida melhore ainda mais com os próximos trabalhos:

“Consegui pagar o meu aluguel que estava atrasado, mas meu nome ainda está no SPC, minha dívida está protestada, mas isso é uma coisa que vai mudar com muito trabalho. Nunca tive medo de trabalho”, disse ele.

Babu perdeu todas as chances de ganhar carros no BBB 20 - Foto: Reprodução/ TV Globo

 

À publicação, Babu falou sobre as críticas que recebeu por se “vitimizar” em rede nacional, e disse que aceitou muitos dos comentários.

“Eu aceito essa crítica. Em alguns momentos, eu poderia ter segurado a onda, mas era mais forte que eu fazer uma reflexão das dificuldades que eu tinha aqui fora (de ter deixado meus filhos com muito pouco recurso financeiro) com as do jogo. Aquilo me atormentava mesmo. Mas nunca foi a minha intenção me vitimizar. Quis ser só factual e não vítima”, esclareceu.

Com 43 filmes na carreira, Babu contou que teve que começar a trabalhar cedo para ajudar em casa, e que nunca recebeu uma renda maior do que R$ 5 mil por mês, e por isso ainda não conseguiu comprar sua casa própria.

“Meus pais foram exemplares, mas eles nunca tiveram uma estrutura financeira que me proporcionasse algo a mais. Comecei a trabalhar cedo para ajudar em casa. Quando eu tive a minha primeira a filha, a Laura, eu tinha feito quatro filmes. Dos 43 filmes que eu fiz, em menos de dez eu fiz personagens grandes. Só fiz cinco novelas de contratos fechados com a Globo. Nunca tive uma média de mais de R$ 5 mil mensais. As pessoas têm que entender que, quando você faz uma peça com 30 pessoas, não tem um salário de R$ 10 mil para todos. Isso quando tem patrocínio, porque a maioria das peças que eu fiz foi sem patrocínio. O cinema brasileiro é tão incrível que somos capazes de fazer grandes produções com metade de um cachê de um superastro de Hollywood. O ‘Tim Maia’, por exemplo, teve um orçamento aproximadamente R$ 3 a 4 milhões e umas 200 pessoas trabalhando. Quanto você acha que eu ganhei? Seria suficiente para manter uma família de quatro pessoas e comprar um terreno? De 40 anos de vida, apenas uns três ou quatro eu fiz mais de R$ 100 mil no ano. Como é que compra uma casa e tem uma vida confortável e de classe média? As pessoas fafam: ‘ah, porque ele saiu do Vidigal’... Saí do Vidigal por uma questão de mobilidade. Eu brigava muito com as produções porque não queriam mandar o carro me buscar lá por ser uma área de risco. Todas as casas que eu ia morar, quando eu pagava um aluguel acima de R$ 1,5 mil, eu tinha que sair em menos de um ano, pois não conseguia bancar”, revelou o ator.

Pai coruja, Babu explicou que só o fato de seus filhos terem ganhado bolsas de estudo uma escola particular já valeu sua participação no reality.

“Uma coisa que eu fiquei muito feliz foi saber, ao sair, que meus filhos tinham conseguido bolsas de estudos numa escola particular. O fato de ter conseguido essas vagas para os meus filhos já valeu a minha participação no Big Brother. Nossa realidade já mudou e quero que essa mudança seja positiva. No programa, fui acusado de pagar R$ 3 mil de mensalidade na escola da minha filha Piná (de 4 anos). Só que ela é bolsista porque a mãe dela trabalha lá. Eu, que tive uma renda de mais ou menos 6 pilas por mês, não teria condições de sustentar uma escola do mesmo nível para os meus outros dois filhos. Tenho muito sorte de ter escolhidos mães muito competentes para os meus filhos. Elas são as maiores parceiras que eu tive de vida, umas guerreiras que me ajudaram muito na criação deles. Se consegui chegar até aqui, mesmo com todas as dificuldades, foi graças a essas pessoas (elas, meus amigos, que são meu anjos da guarda) que tiveram do meu lado”, declarou.

Namorando a cantora Tatiane Melo, Babu contou ainda que pretende se casar e oficializar a união.

“No futuro, sim. Mas é o que eu falei pare ela: graças a Deus ela chegou na minha maturidade. Nunca me permiti namorar, noivar e casar. Estamos no período do namoro. Ela é uma companheira incrível e hoje não tem nada que me impediria de casar, mas brinco que ela tem que fazer mais teste drive e ver se é o Paizão que ela quer mesmo (risos)”, disse ele, que ainda abordou a questão de ser pai novamente: “A Tati não tem pressa de ser mãe. Quando a Piná (de 4 anos) tiver me trocando por namorado, aí eu vejo se não é hora de ter um bebê novo”, completou.

Babu Santana e a namorada, Tatiane Melo - Foto: Reprodução/ Instagram

 

Comentários