Cenapop
FAMOSOS

Luiza Brunet conta em biografia que passou mal após fumar maconha

Redação Publicado em 09/12/2013, às 14h43

A empresária e ex-modelo Luiza Brunet, de 51 anos, contou em sua biografia que passou mal após fumar maconha.

No capítulo Meu Corpo, Minha Empresa, a mãe da modelo Yasmim Brunet disse que nunca mais quis provar a erva novamente: “Fumei maconha, mas passei mal, com enjoo e pressão baixa, e jamais quis provar novamente”, afirmou.

No livro Luiza, escrito pela jornalista Laura Malin, Luiza Brunet conta que não experimentou outras drogas.

“Drogas eram muito comuns naquela época. Não se sabia que o cigarro fazia mal à saúde, da mesma maneira como a cocaína era a droga da euforia e não tinha a conotação negativa que veio a ter depois. Acho que, por causa do histórico do meu pai (alcoólatra), tive muito medo de experimentar qualquer coisa”, explicou na biografia.

Em outra parte do capítulo, a atriz revelou que viveu um romance rápido e teve uma noite de amor com uma mulher, aos 17 anos, num hotel em Salvador.

“Dividia o quarto com uma modelo que se tornou minha amiga e não gostava de badalação. Todas as outras saíam para jantar após os desfiles, mas nós duas voltávamos para o quarto. Pedíamos um sanduíche, conversávamos e íamos dormir cedo. Certa vez acordei no meio da noite. Ela estava na minha cama e me abraçava por trás. Senti seu perfume e, em seguida, seu beijo. Fiquei extremamente confusa: eu jamais a havia considerado além de amiga”, afirmou.

Comentários