Cenapop
Famosos

Flea, do Red Hot Chilli Peppers, afirma ter tido “experiências gays” na adolescência

Flea, do Red Hot Chilli Peppers, afirma ter tido “experiências gays” na adolescência
Flea, do Red Hot Chilli Peppers, afirma ter tido “experiências gays” na adolescência - Foto: Reprodução/Instagram

Redação Publicado em 05/11/2019, às 14h01 - Atualizado às 14h10

Flea, lendário baixista do Red Hot Chilli Peppers, deu uma entrevista bastante reveladora para o jornal The Guardian nesta semana.

No papo, o músico – que está promovendo sua autobiografia recém-lançada, Acid for the Children (Ácido para as Crianças, em tradução) – falou sobre a sua iniciação sexual: vindo de uma família conservadora, recebeu uma reprimenda do próprio pai ao pedir um beijo para ele.

Depois, relembrou que a importância que a comunidade gay teve no começo de sua carreira. “A comunidade gay de Los Angeles foi a primeira a abraçar os Chili Peppers”, disse, citando em seguida uma capa estrelada pela banda para a revista gay de Los Angeles In Touch, na época em que o grupo estava estourando.

Até por isso o baixista optou por deixar de fora do seu livro de memórias as experiências homossexuais que teve em sua adolescência. “Eu não queria que fosse algo sensacionalista. Para mim, não foi nada demais. Eu estava experimentando e concluí que ‘ei, não sou gay’. Então essa não é realmente a minha história”, justificou.

Há pouco tempo, Flea casou-se com a designer de joias Melody Ehsani. Este é o segundo casamento do músico, que antes já havia sido marido de Loesha Zeviar, com quem ficou entre 1988 até 1990, e que é mãe de sua filha Clara, de 31 anos. Depois disso, ele foi noivo da modelo Frankie Rayder, mas não chegaram a casar. No entanto, tiveram uma filha: Sunny Bebop Balzary, que hoje tem 14 anos de idade.

Comentários