Cenapop
Famosos

Sucesso nos anos 90, Chris Duran abriu igreja e virou cantor gospel: “Minha missão é ajudar o próximo”

Sucesso nos anos 90, Chris Duran abriu igreja e virou cantor gospel: “Minha missão é ajudar o próximo”
Sucesso nos anos 90, Chris Duran abriu igreja e virou cantor gospel: “Minha missão é ajudar o próximo” - Foto: Reprodução/Instagram

Redação Publicado em 28/05/2019, às 11h22 - Atualizado às 13h24

Quem ligava a TV durante os anos 90 para assistir ao Domingo Legal, programa comandado por Gugu Liberato no SBT, certamente sabe quem é Chris Duran.

O francês com jeito de galã era presença constante no programa, quando estava no auge de sua carreira como cantor romântico. No Brasil ele emplacou hits Te Perdi Why. Passada a euforia daquela década, Chris resolveu estabelecer-se no Brasil, casou-se e teve uma filha. E agora, dedica-se ao trabalho de sua vida: evangelizar.

Ele agora canta música gospel, grava sermões que são levados à internet duas vezes por semana em sua igreja online e ajuda pessoas em dificuldades emocionais com orientações e conselhos. Nessa missão, ele sempre está ao lado de sua esposa, Poliana, e sua filha, Esther, de 13 anos.

“Minha missão é ajudar o próximo e mostrar a verdade, que está na Bíblia e que pode transformar a vida dos que clamam por Justiça”, afirmou o pastor, atualmente com 44 anos. “Já tive no passado a alegria do carinho dos fãs, mas não existe maior satisfação do que de ver uma pessoa restaurada pela música ou pela palavra”, disse.

Para quem acha que a conversão de Chris foi repentina, na verdade ela se deu por conta de um acidente que ele sofreu no Chile, no começo dos anos 2000. Foi o estopim para que ele pudesse repensar sua vida e carreira, e ao se recuperar, decidiu deixar tudo para trás e entrar no mercado gospel. Passou dificuldades no início, mas depois se reergueu. Hoje, faz cerca de 15 shows por mês, com repertório 100% dedicado a música cristã – os dois álbuns gravados antes de sua conversão não constam mais de sua discografia oficial.

“Continuo fazendo muitos shows pelo Brasil a fora. Não perdi o dom artístico, mas obviamente, hoje levo uma mensagem que condiz com quem sou hoje, que traz edificação e que mostra mais a essência de quem sou”, afirmou.

“Vivendo de Deus”

Durante o período de dificuldades, Duran nunca deixou de acreditar que as coisas iriam melhorar. “Estava vivendo de Deus. Me mudei de Miami para o Brasil e estava vivendo escondido por aqui. Não tinha água nem para beber e nada para comer na geladeira”, comentou o artista. “Era tão fácil fazer uma ligação para a gravadora e retomar tudo o que eu tinha antes, mas continuei firme e Deus me mostrou que cuida de mim nos mínimos detalhes. Uma vez um senhor, do nada, fez uma compra enorme e me entregou. Eu sabia que era Deus agindo”, emocionou-se.

Atualmente, Chris Duran vive uma vida mais modesta. “Não dá para viver como vivia. Existem duas vocações: uma como pastor e outra como cantor. Mas os shows que são minha fonte de renda. Não queria depender da igreja. A gente recebe fundos, mas eles são para pagar estúdio de gravação, luz e todos os outros gastos para manter a igreja online. Ainda tenho um projeto de levar internet para pessoas que não têm acesso para que elas possam da sua casa conhecer o Deus que pode transformar suas vidas”, disse.

LEIA MAIS

Gabriel Diniz canta em comercial de São João
Reynaldo Gianecchini fala sobre paternidade
Juliana Diniz fala sobre a morte da filha e desabafa
Letícia Spiller exibe corpão em cachoeira aos 45 anos
Lulu Santos exalta romance com Clebson Teixeira
Bella Piero assume estrias e a web aprova

Veja mais notícias de Famosos.

Chris Duran durante participação no Programa Livre, de Serginho Groisman, nos anos 90 – Foto: Reprodução/YouTube

 

Sucesso nos anos 90, Chris Duran abriu igreja e virou cantor gospel: “Minha missão é ajudar o próximo” – Foto: Reprodução/Instagram

Comentários