Carnaval 2019: veja 5 dicas para proteger a sua saúde e curtir bem a folia

Veja as nossas 5 dicas para curtir o carnaval – Foto: Reprodução/Shopify

Neste sábado (23) o carnaval começa a agitar o país.

Você, que está lendo agora, pode se perguntar: “ué, mas o carnaval não começa só na semana que vem?”. Pois é. Acontece que a partir de hoje está aberta a temporada de pré-carnaval em todo o país. Várias capitais já têm blocos na rua – principalmente em Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo, epicentros da folia aqui no país.

Por isso, o CENAPOP traz para você 5 dicas infalíveis para você cuidar de sua saúde durante os blocos, bailes e desfiles de carnaval. Afinal, é importante se divertir – contanto que não deixe de cuidar de sua saúde, não é?

As festas de carnaval exigem energia e boa condição de saúde para enfrentar os vários dias de festança. Com as dicas que nós trazemos para você aqui, você poderá conservar sua disposição para aguentar a maratona inteira! Vamos lá?

 

DICA N° 1: SAPATOS CONFORTÁVEIS EVITAM DESGASTE

Por mais que a fantasia peça calçados mais sofisticados, a melhor coisa é usar tênis quando sair para se divertir no carnaval. Isso porque, ao usar salto alto ou qualquer outro tipo de calçado menos confortável, você pode sentir câimbras e dores que podem te prejudicar não só no carnaval deste ano, mas também em toda a sua vida. O uso de calçados desconfortáveis em ambientes de festa como o carnaval, ainda mais quando se trata de uma festa com muito exercício físico, pode comprometer a musculatura e os ossos das pernas.

 

DICA N° 2: BEBA MUITA ÁGUA. MUITA MESMO.

Não adianta dar bobeira: se você está em um bloquinho ou em algum baile de carnaval, procure beber muita água. O verão esse ano particularmente está bastante cruel, com temperaturas altíssimas. Estar em um ambiente como esse sem hidratar seu corpo pode te trazer sérios prejuízos. Além dos problemas que podem acontecer na hora – como desmaios e fraqueza – a desidratação pode trazer problemas para os rins em longo prazo. Além disso, como se sabe, os foliões costumam trocar água por bebida alcoólica. Isso pode levar uma pessoa a urinar várias vezes seguidas, o que também causa desidratação. Portanto, pode beber sim, mas procure alternar com garrafas d’água.

 

DICA N° 3: ALIMENTE-SE BEM PARA NÃO PASSAR MAL

Outra coisa que ocorre muito no carnaval são as pessoas passando mal por não se alimentarem direito na hora de enfrentar a maratona. A alimentação disponível em bloquinhos e festas também não ajudam: geralmente são lanches que em nada ajudam a melhorar a situação. Por isso, antes de sair para a folia, procure se alimentar bem, preferencialmente com alimentos calóricos que possam ajudar a enfrentar a duração – que, sabemos, é bem longa – de um bloco de carnaval. Evite se alimentar apenas da comida de rua: misturada com álcool, ela pode fazer mais mal do que bem.

 

DICA N° 4: PRESTE ATENÇÃO NO GLITTER

Uma das marcas registradas de qualquer carnaval é o glitter. Ele compõe qualquer fantasia – e mesmo que não haja fantasia alguma, é comum os foliões passarem o produto no rosto e no corpo. Basta olhar qualquer bloquinho para ver pessoas brilhando, de ponta a ponta, com glitter no corpo. O que pouca gente sabe é que esse produto não é ideal para se passar na pele. Dependendo do tipo de glitter, pode causar desde ardência, coceira e alergia e chegar até mesmo a queimaduras. Por isso, antes de qualquer coisa, teste o glitter que irá usar no carnaval, para se certificar de que ele não fará mal à sua pele. Além disso, evite comprar glitter de ambulantes – desses, você não consegue saber a procedência.

 

DICA N° 5: PROTEJA-SE, SEMPRE USE CAMISINHA

Parece até clichê dizer uma coisa dessas, mas ainda é preciso alertar: prevenir é melhor do que remediar. O uso de camisinha nas relações sexuais impede não somente a infecção por HIV. Também evita que você seja contaminado por DSTs, que podem causar vários transtornos para a sua vida. Sabe-se que o carnaval é uma época em que a disseminação dessas doenças é mais comum, por conta da liberdade que a festa proporciona. Ainda assim, não marque bobeira: ande sempre com camisinha no bolso, e use-a sempre que necessário!

Comentários