FAMOSOS

Juiz recusa processo de acusação de estupro contra Marilyn Manson, diz site

Juiz negou um dos processos que esteve correndo na Justiça americana

O portal TMZ afirmou que o processo não foi levado adiante por prescrição das acusações - Foto/Reprodução
O portal TMZ afirmou que o processo não foi levado adiante por prescrição das acusações - Foto/Reprodução

Redação Publicado em 16/09/2021, às 07h59

O juiz recusou um dos processos de acusação de estupro conta Marilyn Manson, que corria na Justiça americana, segundo o portal TMZ informou, nesta quarta-feira (15/09).

O site diz que o juiz negou o processo da suposta vítima e decidiu não levar o julgamento adiante por conta de prescrição das acusações. A vítima afirmou ter namorado o cantor em 2011 e alegou ter sido abusada sexualmente por ele, ressaltando que reprimiu suas memórias em razão dos abusos.

A mulher, que não conseguiu especificar como a memória foi reprimida ou o motivo de não ter repassado a informação antes, terá 20 dias para refazer sua queixa e esclarecer os questionamentos, decidiu o juiz. 

O cantor de 52 anos ainda enfrenta mais três outras acusações de abuso sexual, que inclui uma ex-assistente, além da ex-atriz de Game of Thrones, Esme Bianco. A atriz chegou a afirmar que Marilyn tentou matá-la ao ser perseguida pelo cantor com um machado, após ter sido esfaqueada. 

Ex- noiva de Manson, a atriz Evan Rachel Wood também afirmou que foi abusada durante anos, nas redes sociais. Ela publicou um texto mencionando um relacionamento abusivo, mas não deu detalhes sobre quem seria o agressor. Recentemente, o cantor alegou ser inocente em um processo movido contra ele pela cinegrafista Susan Fountain, onde deu abertura de um pedido de prisão contra ele em julho deste ano.

O processo se trata de uma "cusparada" dada por Manson durante as filmagens de um show em 2019, no estado de New Hampshire.

Comentários