FAMOSOS

Marcos Mion sobre filho com autismo: "Entendi que precisava ser a melhor versão de mim"

Marcos Mion é pai de Romeo, de 16 anos

Apresentador refletiu sobre a família e falou do sonho de trabalhar na Globo - Reprodução / Instagram @marcosmion
Apresentador refletiu sobre a família e falou do sonho de trabalhar na Globo - Reprodução / Instagram @marcosmion

Redação Publicado em 21/10/2021, às 11h01

Marcos Mion fez uma reflexão sobre a família, durante participação no Mais Você, nesta quinta-feira (21/10), e comentou sobre o sonho de trabalhar na Globo. 

Na conversa, Mion falou sobre o autismo do primogênito, Romeo, fruto de seu casamento com Suzana Gullo: "Decidimos casar em três meses. Nesses três meses, engravidamos do Romeo. Naquele momento da minha vida, achava minha vida muito perfeita. Fazia muito sucesso, estava casado e teria um filho. Quando o Romeo nasceu, descobri que minha vida não era perfeita, ela ainda se tornaria perfeita."

"Sem o Romeo, eu não seria a pessoa que sou hoje. Não teria traçado a metade do caminho que eu tracei. Tenho que ser a melhor versão de mim para o Romeo", garantiu. "Com meus outros dois filhos, converso de igual para igual. Quando converso com Romeo, tenho que elevar minha alma. Os autistas têm uma pureza muito grande. É o maior amor do mundo e é um privilégio conviver conviver com um filho dentro desse espectro. Quando ele era mais novo, estava assistindo a um assiste ao vídeo em looping, repetidas vezes, e queria me mostrar."

Ele prosseguiu: "Pedi um tempinho e ele me perguntou: 'Pai, você não me ama mais?'. Ele estava sentido e não era charminho. Foi aí que entendi que precisava ser a melhor versão de mim. Parei de me preocupar com coisas que não valem a pena e foquei nas relações que valem, as relações humanas. Há ministros que dizem que os neurodiversos não deveriam ir à escola porque eles atrapalham. Eu digo que eles não atrapalham. Meu filho e crianças como ele só ensinam."

Com o sonho de ser ator, o apresentador também projetava o objetivo de trabalhar na MTV, onde ficou mais de 10 anos. Ao se desligar da Record TV no fim de 2020, Marcos agora conta sobre o sonho de estar na TV Globo: "A Suzana estava numa onda de morar nos Estados Unidos e eu quis voltar. Não tinha nenhuma garantia, apenas uma vontade, um sonho. Tive muita fé que iria acontecer. Diria que é uma história maluca para estar aqui hoje. Deus mexeu as peças de maneira muito impressionante. As portas para eu estar aqui, na Globo, vieram pelo Multishow."

"Você pode ser a pessoa mais talentosa do mundo, mas é preciso que a porta se abra. Tive a confirmação, de fato, ontem. Só posso agradecer à direção da Globo por ter me aberto a porta", completou o apresentador. 

Comentários