FAMOSOS

Lewis Hamilton se posiciona contra lei anti-LGBTQIA+ na Hungria: "Inaceitável"

O piloto Lewis Hamilton deu declaração sobre o tema nesta quinta-feira (29/07)

Lewis Hamilton criticou lei anti-LGBTQIA+ na Hungria - Foto: Reprodução / Instagram
Lewis Hamilton criticou lei anti-LGBTQIA+ na Hungria - Foto: Reprodução / Instagram

Redação Publicado em 29/07/2021, às 22h04

Lewis Hamilton se posicionou contra uma lei anti-LGBTQIA+ decretada na Hungria há alguns meses. O piloto de Fórmula 1 estará no país para o Grande Prêmio do país no fim de semana, e fez questão de deixar o seu recado sobre o tema.

Através do Stories, ele escreveu: "Antes do Grande Prêmio deste fim de semana, quero mostrar meu apoio a todos os afetados pela lei governamental anti-LGBT. É inaceitável, covarde e equivocada para as pessoas que exercem o poder propor uma lei como essa", começou.

"Todos merecem a liberdade de serem eles mesmos, não importa quem amem ou como se identificam. Eu peço ao povo húngaro para votar no próximo referendo para proteger os direitos da comunidade LGBT, que precisa do nosso apoio mais do que nunca", completou ele, que ainda escreveu que "o amor sempre vai vencer", finalizou o heptacampeão.

Viktor Órban, primeiro-ministro do país europeu, anunciou que fará um referendo popular sobre a controversa lei, criticada pela maioria dos países da União Europeia. A justificativa para a nova lei foi o combate à pedofilia, mas inclui também o veto a qualquer menção a comunidade LGBTQIA+ e à mudança de sexo para menores de idade.

Lewis Hamilton se posiciona contra lei anti-LGBT na Hungria
Lewis Hamilton se posiciona contra lei anti-LGBT na Hungria - Foto: Reprodução/Instagram

 

 

 

Comentários