FAMOSOS

Demi Lovato diz que decidiu manter sobriedade completamente: "Não apoio mais minha 'sobriedade californiana'"

Demi Lovato tem lutado contra uso de substâncias tóxicas há anos

Artista já passou por clínica de reabilitação após sofrer overdose - Reprodução / Instagram @ddlovato
Artista já passou por clínica de reabilitação após sofrer overdose - Reprodução / Instagram @ddlovato

Redação Publicado em 03/12/2021, às 09h30

Demi Lovato revelou que decidiu manter a sobriedade completamente nas redes sociais, nesta quinta-feira (02/12), abandonando qualquer tipo de droga. Artista já passou por clínica de reabilitação após sofrer overdose, além de lutar há anos contra o uso de substâncias tóxicas.  

Em seu Instagram, Demi anunciou: "Não apoio mais a minha "sobriedade californiana. O único jeito de ser sóbrio é estar sóbrio", disse ela em seus stories. Sobriedade californiana significa consumir cannabis de maneira moderada, além de beber socialmente. 

Demi lançou um documentário sobre sua vida, em meados de março, em que contou sobre as dificuldades que teve por conta de seus distúrbios alimentares, bem como seu vício em drogas. Lovato ainda relatou ter sido abusada sexualmente e deixada para morrer por um traficante que levou heroína. 

A cantora chegou a sofrer três derrames, uma parada cardíaca, falência de órgãos, pneumonia após se asfixiar em seu vômito e perda de visão temporária após sofrer a overdose. No entanto, Demi possui sequelas permanentes, não tendo mais permissão para dirigir. Demi também contou ter usado diversos tipos de drogas, misturando MDMA, metanfetamina, maconha, cocaína, álcool e oxicodona, antes de ter a overdose. 

"Só isso já deveria ter me matado", disse na época. Após a mistura, Lovato ainda conheceu a heroína e o crack. A artista relata que tinha apenas entre 5 e 10 minutos de vida quando foi encontrada, e que ser socorrida salvou sua vida: "Eu precisei morrer para acordar", afirmou na época. 

 

Comentários