FAMOSOS

Cleo sobre ser mulher: "Sou deslegitimada se engordo, emagreço ou porque sou filha de gente famosa"

Cleo refletiu sobre, em alguns momentos de sua carreira, ser mulher

Artista desabafa e afirma que se sente invalidada em ambientes de trabalho - Reprodução / Instagram @cleo
Artista desabafa e afirma que se sente invalidada em ambientes de trabalho - Reprodução / Instagram @cleo

Redação Publicado em 06/12/2021, às 07h57

Cleo, 39 anos, reflete sobre ser mulher e conta sobre já ter se sentido invalidada em ambientes de trabalho, além de ser vista com maus olhos, em conversa com a Quem

A artista revela que se sente anulada em certos momentos por ser mulher, mesmo já tendo consolidado sua carreira como atriz, cantora e empresária: "Sou uma mulher com 20 anos de carreira que sou deslegitimada se engordo, emagreço ou porque sou filha de gente famosa. Não importa o tamanho que você tenha e o que já conquistou."

A filha de Fábio Jr. e Gloria Pires prosseguiu: "Mesmo antes de ser famosa ou no dia a dia, parece que você é sempre inadequada e não merece estar ali. Você cresce com uma síndrome de impostora, como se não soubesse o que está fazendo ou escolhendo. Esse auto questionamento vai ficando além do saudável. Parece que você não está ali por si mesma, mas, porque alguém te colocou só por ser mulher. Isso não mudou", diz.

Cleo ainda relata que, quando é assertiva, acaba sendo vista com maus olhos: "Em set, é esperado que você esteja sempre bonita, maquiada, de salto, doce e simpática. Se você souber o que quer, você é grossa. São pequenas formas de tentar tirar o seu poder sobre a sua narrativa, e isso é uma deslegitimação feroz", finalizou. 

A cantora, que está gravando seu primeiro álbum, previsto para ser lançado no primeiro semestre de 2022, se reuniu com AZZY e Karol Conká na canção Tormento, onde fala sobre poder feminino. 

Comentários