Cenapop
FAMOSOS

Anitta diz que é “difícil namorar no Brasil” e conta como conheceu crush bilionário: “Foi ok”

Cantora está passando temporada nos EUA, onde conheceu Michel Chetrit

Anitta contou que “foi ok” primeiro encontro com namorado bilionário
Anitta contou que “foi ok” primeiro encontro com namorado bilionário - Foto: Reprodução/ Instagram@anitta

Redação Publicado em 16/06/2021, às 06h11

Anitta contou que o primeiro encontro com o novo namorado, o bilionário Michel Chetrit, foi “ok” e aconteceu de uma forma totalmente normal, na casa de um amigo, nos EUA.

Em conversa com Paris Hilton, a brasileira disse ainda que “tentou flertar com todo mundo no Brasil”, e que é difícil namorar por aqui por conta da vida atribulada.

“No Brasil, é muito difícil conhecer pessoas novas. E cheguei a tentar mandar algumas mensagens diretas, tentei flertar com todo mundo... Mas aqui eu tenho uma vida mais regular, mais comum. Eu o conheci na casa de um amigo. Foi ok. Foi um encontro normal. Nós nos cumprimentamos depois de passarmos um pelo outro e tal. Mas no Brasil é muito difícil”, começou ela.

No bate-papo, Anitta explicou que a agenda profissional lotada de compromissos dificulta a vida pessoal.

“Eu não saio no Brasil. É complicado eu fazer isso. E estou sempre trabalhando. Então, o que eu faço, ou melhor, o que eu costumava fazer, porque agora não faço mais, era procurar a pessoa por quem eu estava interessada e dizer: ‘Oi! Vamos nos encontrar?’. Costumava fazer assim”, revelou.

A cantora explicou que “gostaria de ter tempo” para conhecer as pessoas, mas admitiu que, às vezes, costuma “ficar entediada”: “Ah, eu amaria ter um tempo, mas às vezes não posso, às vezes é demais, às vezes eu fico entediada”, confessou.

Ao falar sobre a carreira, Anitta contou que está se divertindo mais na fase atual de seu trabalho:

“No passado, eu era muito dependente de números, metas... Aí conquistei tudo o que queria, fiz performances em muitos lugares que sempre sonhei. Agora estou mais relaxada e não tenho mais essas coisas na minha cabeça. E as pessoas comparam pessoas, artistas. Eu era assim, me importava com essas coisas, agora me beneficio e uso o meu trabalho para me divertir”, completou.

Comentários