Cenapop
CURIOSIDADES

Pai encara 30 horas de tatuagem e fica com marca de nascença igual a do filho

Derek Jr estava ficando cada vez mais preocupado com a sua enorme marca de nascença
Derek Jr estava ficando cada vez mais preocupado com a sua enorme marca de nascença - Reprodução/Global News

Redação Publicado em 14/12/2020, às 08h05

Um pai foi elogiado pelo filho - e respeito pelo tatuador - após fazer uma tatuagem no formato da marca de nascença para combinar com a de seu filho. O pai orgulhoso, Derek Prue, de Stony Plain, Alberta, Canadá, decidiu fazer uma tatuagem depois que seu filho, Derek Jr,  ficou preocuopado com a grande marca de nascença que cobria uma grande área de seu torso. 

Derek Sr se preocupou ao perceber que seu filho continuava de camiseta quando nadava na piscina, o que ele não fazia antes. Decidindo dar apoio ao filho de maneira única, Derek passou por 30 horas fazendo uma tatuagem para ter a réplica da marca de nascença, desenhada em seu próprio peito. Ao Global News, ele disse: "Ele sempre teve orgulho de sua marca, então eu vi que ele começou a escondê-la". 

"Acho que talvez ele estivesse um pouco preocupado com isso. Eu queria fazer a mesma coisa para que ele não fosse o único". A única reclamação do pai foi o processo levemente doloroso de ser tatuado, que durou mais tempo do que ele havia esperado: "Eu achei que seria uma coisa de uma sessão. Mas 3 horas se transformaram em 30 horas, então, tem sido um processo e tanto. 

"A primeira sessão, eu acho, durou em torno de quatro horas. E eu realmente não olhei para ver o que estava acontecendo, então eu achei que ao final das quatro horas, já estava terminado. Então eu disse: 'está quase pronto?' e ele disse 'estou quase terminando o contorno'". Derek Jr ficou impressionado com a tatuagem e falou ao pai 'isto é legal', depois que Derek Sr. mostrou a tatuagem finalizada. 

Enquanto isso, o tatuador da loja Juicy Quill Tattoo Shop, Tony Gibert, disse que está orgulhoso por ter ajudado a criança a ser mais autoconfiante ao tatuar o pai. 

Comentários