Cenapop
CINEMA

Produtor de cinema que herdou US$ 600 milhões tinha apenas US$ 300 mil na conta quando morreu

Steve Bing ao lado da então esposa, a atriz e modelo Elizabeth Hurley
Steve Bing ao lado da então esposa, a atriz e modelo Elizabeth Hurley - Reprodução/Instagram

Redação Publicado em 21/10/2020, às 09h43

O produtor de cinema Steve Bing tinha apenas 300 mil dólares (1,6 milhão de reais) em sua conta quando morreu, em maio deste ano, após se jogar da janela de seu apartamento no 27º andar de um prédio em Century City, Califórnia.

Bing era herdeiro de uma fortuna estimada em 600 milhões de dólares (3,3 bilhões de reais), recebida de seu avô, o empresário Leo S. Bing, um incorporador que fez sua fortuna na Nova York dos anos 1920. As informações são da revista Town & Country.

A publicação afirmou que uma das filhas de Bing, Kira Bonder (de sua relação com a tenista Lisa Bonder), de 20 anos, foi designada por um juiz de Los Angeles como a administradora do montante deixado por ele após sua morte. Descobriu-se então que ele estava praticamente falido ao cometer suicídio.

Filmes e política

Durante toda a sua vida, Bing -- que em 2010 era a 46ª pessoa mais rica de Los Angeles, segundo o jornal Los Angeles Business Journal -- investiu o dinheiro que herdou em filmes como O Expresso Polar (2004) e A Lenda de Beowulf (2007), ambos dirigidos por Robert Zemeckis. Ele também dirigiu um longa (Every Breath, em 1994), e também escreveu o roteiro de Canguru Jack, que fez sucesso em 2003.

Além disso, Bing foi bem generoso com políticos próximos a ele, como o ex-presidente norte-americano Bill Clinton, que lamentou sua morte nas redes sociais. Estimativas dão conta que o produtor depositou cerca de 10 milhões de reais nas contas da Clinton Foundation no decorrer de vários anos.

No entanto, ainda é um mistério como ele conseguiu gastar uma fortuna tão grande.

Parentes lamentam

Na época da morte de Bing, Hurley lamentou no Instagram. "Estou triste de saber que Steve não está mais conosco. Nosso tempo juntos foi muito feliz e, apesar de momentos difíceis, as memórias de um homem gentil são o que importam. Nos tornamos próximos novamente no último ano e falamos pela última vez no aniversário de 18 anos do nosso filho. Esta é uma notícia devastadora", escreveu a artista.

Os dois são pais do modelo Damian Hurley, que também falou sobre a morte do pai na mesma rede social. "Obrigado do fundo do meu coração a todos que entraram em contato após as notícias devastadoras. Estou tentando responder a vocês o máximo que eu puder, mas saibam que sempre me lembrarei da sua gentileza. Este é um momento muito estranho e confuso e sou imensamente grato por estar cercado por minha família e amigos fenomenais", disse o rapaz.

Comentários