Com o punho quebrado, Ana Paula Evangelista confirma presença no carnaval: “Tenho certeza que vou brilhar”

Ana Paula Evangelista quebrou o punho após confusão no Bloco da Favorita - Foto: Reprodução/ Instagram

Ana Paula Evangelista quebrou o punho após confusão no Bloco da Favorita – Foto: Reprodução/ Instagram

Musa da Unidos da Tijuca, Ana Paula Evangelista passou por um momento de grande tensão enquanto curtia o Bloco da Favorita, no último domingo (12/01).

Já no final do evento, para dispersar a multidão, foram usadas bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo. O público presente começou a correr, e houve muito empurra empurra.

Para tentar se proteger da multidão, Ana tentou pular uma grade para chegar até o Hotel Copacapana Palace, e ao cair, fraturou o punho.

“Senti muitas dores após o ocorrido. Quase fiquei sem a unha do pé. A dor do braço era tão grande que nem sentia a dor do pé, nem sentia que estava quase ficando sem a unha”, disse ela, à revista Quem.

À publicação, a musa contou que a recepção do hotel a acolheu e que demorou um pouco para procurar atendimento médico porque não avia transporte.

“Dou graças a Deus que consegui entrar no hotel. Eles conseguiram fechar as porta muito rapidamente e me deixaram entrar porque me reconheceram. Estava com a pulseira de área VIP [do Bloco da Favorita]. Morri de pena das outras pessoas que estavam feridas e ficaram do lado de fora. Não tinha ninguém para socorrê-las. Fiquei horas dentro do Copacabana Palace até que eu conseguisse sair. Não tinha táxi, não tinha uber, nenhum meio de transporte naquele momento. Só consegui achar um táxi depois de muito tempo. A corrida do Copacabana Palace até a Siqueira Campos, onde estou hospedada, foi no valor de 100 reais. Um absurdo. O valor cobrado foi este porque ele [taxista] sabia que tinha muita gente à procura”, reclamou.

“Fui à UPA e não tinha ortopedista”

Como não mora no Brasil, Ana Paula não tem plano de saúde no país e procurou uma Unidade de Pronto Atendimento para ser atendida, mas o local estava sem ortopedista.

“Fui à UPA tomar uma medicação. Como não tinha ortopedista na UPA, me indicaram que eu fosse ao Hospital Miguel Couto. Precisei usar o serviço público porque, como não moro no Brasil, não tenho convênio aqui. O atendimento lá foi bom. Fizeram três raio-X e colocaram gesso, mas senti uma dor imensa. Graças a Deus, o que eu tive não foi nada gravíssimo. Só tenho a agradecer por mais este livramento”, contou.

Apesar do susto, a musa da Unidos da Tijuca garantiu que estará presente no carnaval 2020:

“Já falei com o presidente da Unidos da Tijuca, ele me desejou melhoras e disse que está me aguardando para o desfile de Carnaval. Infelizmente, não vou conseguir me preparar conforme planejava, mas seguirei a dieta com sucos detox e sopas, além de sessões de drenagem. Não poderei frequentar a academia”, disse ela, avisando que é possível que a fantasia seja reformulada. “Se tiver que deixar um pouco mais comportada a fantasia, não será um problema. Tenho certeza que irei brilhar com a minha escola, como sempre”, completou.

Em seu Instagram, Ana Paula ainda aproveitou para desabafar e dizer que é triste chegar ao Brasil para um evento que abre o carnaval e ver tanta bagunça.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Boa noite meus amores!!! Gostaria de agradecer a todos pela preocupação e carinho e dizer que “estou bem”, graças a Deus… 🙏🏽 Fico muito triste em chegar no Brasil, país que eu amo e ver um evento que abre o carnaval terminar nessa tragédia. Ao que tudo indica estarei recuperada para o desfile, mas o trauma e o panico eu nunca mais vou esquecer. Espero que isso nunca mais aconteça na maior festa popular do mundo que é o carnaval. Somos o cartão postal do Brasil e eu imploro por mais segurança para a nossa Cidade. Como vamos receber turistas? Como vamos brincar o carnaval sem medo? Alguma coisa precisa ser feita, o que vi e passei ontem foi de uma violência inacreditável. O povo precisa voltar a amar o Rio, temos que clamar pela paz e a tolerância… Mais amor por favor” 🙏🏽🕊❤️ #DeusNoControle

Uma publicação compartilhada por Ana Paula Evangelista I (@evangelistaanapaula) em

Comentários