“Fui corna aos 14 anos”, afirma Klara Castanho

"Fui corna aos 14 anos", afirma Klara Castanho - Foto: Reprodução/instagram

“Fui corna aos 14 anos”, afirma Klara Castanho – Foto: Reprodução/instagram

Em seu Instagram, a atriz Klara Castanho, de 19 anos, contou a história da primeira vez em que foi traída. O vídeo foi publicado no IGTV na noite deste sábado (09/11).

“Oi, meu nome é Klara, eu tenho 19 anos e fui corna aos 14. Não é legal a gente falar que a pessoa foi corna, mas eu fui corna. A pessoa fina foi traída. Fui corna, mesmo, e vou contar essa história para vocês”, começou ela no vídeo, bem humorada. “Normalmente eu não compartilho muito as coisas da minha vida pessoal, mas eu acho que essa história merece ser compartilhada, porque é boa demais para ficar apenas entre minha família, meus amigos e eu”, disse.

Então, ela começou a detalhar o acontecido. “No auge dos meus 14 anos, comecei a frequentar um lugar e conhecer pessoas. Meu primeiro beijo foi aos 12. Depois de dois anos, eu fui beijar na boca de novo com essa pessoa. Ele era uma pessoa que ficava com todo mundo, e eu achei que tinha tirado a sorte grande, porque ele pegava todo mundo, mas resolveu namorar comigo. Tipo, ‘fisguei um peixão’. Coitada”, comentou.

“Eu estava apaixonada. Um mês depois descobri que tinha sido traída. Aliás, corna. Na hora, disse: ‘Nunca vou perdoar. Jamais’. E cinco dias depois, estava com ele de novo. Fomos e voltamos milhares de vezes, mas enquanto tudo isso acontecia, meus pais não sabiam. Primeiro: Eu sabia que não daria certo, que ele não era uma pessoa que meus pais achariam boa. Segundo, que eu tinha quinze anos. Qual era a chance de aquele ser o amor da minha vida? Existem histórias, mas não existia a chance de aquela pessoa ser a certa para o resto da minha vida. Então, falei: ‘Não vou contar. Enquanto puder esconder, eu vou esconder’. Até que o negócio começou a ficar sério”, relatou.

Depois de explanar sobre o relacionamento, Klara contou sobre quando sua família descobriu o relacionamento: um dia, a mãe da atriz confiscou seu celular durante a madrugada e ouviu um áudio dela explicando para uma amiga o que estava acontecendo entre ela e o namorado. Na manhã seguinte, as duas discutiram.

“Ela descarregou coisas para cima de mim. E eu entendo o que ela sentiu, porque eu a enganei. Em momento nenhum eu cheguei a contar o que estava acontecendo, e ela se sentiu traída, porque eu menti. Depois, inclusive, ela teve outras confirmações por outros meios, também”, contou.

Atualmente, ela diz rir da história, mas deixou um aviso. “Se minha mãe tivesse sabido no primeiro mês, eu não teria passado por nada disso, porque ela já o teria colocado para correr em dois segundos”, disse, fazendo um balanço sobre a história: “Hoje em dia eu levo em consideração o que estava fazendo e o que vivi. Eu achava que sabia tudo da vida, e tinha a certeza que era a pessoa mais completa do planeta Terra”, finalizou.

Confira o relato completo:

Comentários