Daniel Craig reage ao ser perguntado se contratação de roteirista mulher para novo 007 foi por “diversidade”

Daniel Craig em primeira imagem liberada de 007: Sem Tempo Para Morrer, que estreia em abril - Foto: Reprodução/MGM

Daniel Craig em primeira imagem liberada de 007: Sem Tempo Para Morrer, que estreia em abril – Foto: Reprodução/MGM

O astro Daniel Craig está se despedindo de seu mais famoso personagem, James Bond, com o filme 007: Sem Tempo Para Morrer. Ele tem dado várias entrevistas para divulgar o filme.

No entanto, em uma sessão de perguntas e respostas para o The Sunday Times, nos Estados Unidos, ele se irritou ao ser provocado quanto a contratação de Phoebe Waller-Bridge, roteirista e atriz vencedora do Emmy neste ano pela série Fleabag.

Quando o repórter do veículo insinuou que a contratação de Phoebe teria se dado apenas para dar uma visão “mais inclusiva na frente e atrás das câmeras”, Craig foi bem direto: “Olha, estamos tendo uma conversa sobre o sexo de Phoebe aqui, o que é ridículo”, afirmou o ator, já irritado. “Ela é uma ótima escritora. Por que não devemos levar Phoebe para Bond?”, perguntou.

Phoebe Waller-Bridge, atriz e roteirista em cena de Fleabag, que lhe rendeu dois Emmys neste ano - Foto: Reprodução

Phoebe Waller-Bridge, atriz e roteirista em cena de Fleabag, que lhe rendeu dois Emmys neste ano – Foto: Reprodução

O repórter insistiu, perguntando se a contratação da premiada roteirista não tinha sido feita apenas para levar o personagem para uma era mais representativa. A resposta foi novamente incisiva: “Eu sei onde você está indo, mas na verdade não quero ter essa conversa”, comentou. “Eu sei o que você está tentando fazer, mas está errado. Está absolutamente errado. Ela é uma ótima escritora. Uma das melhores escritoras ingleses do mundo. Eu disse: ‘Podemos levá-la para o filme?”, disse.

E ainda continuou: “Ela é simplesmente brilhante. Eu estava de olho nela desde a primeira temporada de Fleabag, e então vi Killing Eve (outra série em que ela participou) e o que ela fez com isso e só queria sua voz (no roteiro do filme). É tão único – somos muito privilegiados por tê-la a bordo”, enfatizou. As informações são do portal Indiewire.

Em maio, a própria Phoebe Waller-Bridge rechaçou a hipótese de trabalhar em um filme de James Bond apenas para promover uma falsa inclusão, ou para dar um ar feminista para o personagem, conhecido por suas conquistas amorosas.

“Tem havido muita conversa sobre se (a franquia 007) é relevante agora por causa de quem ele é e da maneira como trata as mulheres. Eu acho que isso é besteira”, declarou. “Eu acho que ele é absolutamente relevante agora. Apenas tem que crescer. Ele só tem que evoluir, e o importante é que o filme trate as mulheres adequadamente”, finalizou.

Sem Tempo Para Morrer estreia em 8 de abril nos cinemas americanos e brasileiros. No Reino Unido chegará às telas alguns dias antes, em 3 de abril.

Comentários