Renata Banhara mostra filho de ex-prefeito de Anápolis agredindo a namorada e protesta na web: “A Violência não é amor!”

Renata Banhara mostrou Victor Junqueira agredindo a advogada Luciana Sinzimbra e fez alerta sobre violência doméstica – Foto: Reprodução/ Instagram

Renata Banhara usou sua página no Instagram, nesta quarta-feira (26/12), para fazer um protesto contra a violência doméstica.

Na rede social, a modelo compartilhou um vídeo que viralizou no início desta semana, no qual o piloto e filho do ex-prefeito de Anápolis, Victor Junqueira, de 24 anos, aparece agredindo a namorada, a advogada Luciana Sinzimbra, de 26 anos, com tapas, socos e esganaduras.

Junto com o registro, Renata iniciou uma campanha na web com o seguinte texto:

“Em nome do amor? Não é amor! A Violência não é amor! Nas festas a Violência aumenta. Dica: Nunca grite socorro, ninguém vai ajudar. Grite Incêndio! Fogo, incêndio. Explodiu! Rapidinho os vizinhos vão acionar bombeiros, polícia etc… Repasse a dica, pode salvar uma vida!”, comentou, completando com as hashtags #violenciacontramulher, #violenciadomestica, #violencia e #justiça.

Ao verem a postagem, muitos seguidores de Renata Banhara repostaram o vídeo e pediram o fim da violência contra a mulher.

Renata Banhara mostrou Victor Junqueira agredindo a advogada Luciana Sinzimbra e fez alerta sobre violência doméstica – Foto: Reprodução/ Instagram

Entenda o caso

O vídeo que mostra Luciana Sinzimbra sendo agredida pelo agora ex-namorado Victor Junqueira viralizou nas redes sociais na segunda-feira (24/12). A gravação foi feita poucos dias antes, pela própria advogada, através de uma câmera escondida no quarto de hotel onde estava hospedada em Gioânia (GO).

No registro, Victor, aparentemente insatisfeito com o término do relacionamento, dá um tapa no rosto de Luciana, sobe em cima dela com as mãos em seu pescoço, e ainda dá um soco em sua cabeça.

O vídeo mostra o casal chorando, quando a advogada questiona: “Você acha justo chegar e me bater?”. Superinjusto, saca? Mas pelo menos acabou”, devolve Victor, antes de agredir a ex-namorada.

Em sua página no Instagram, Luciana pediu que o vídeo não fosse divulgado, mas o registro já estava espalhado por vários perfis de diferentes redes sociais.

Na última terça-feira (25/12), Luciana falou oficialmente sobre o acontecido, disse que já havia tomado as providências necessárias, e que o caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam):

“A pessoa que teve acesso a esses vídeos foi sem minha autorização e divulgou sem medir as consequências. As medidas cabidas contra o agressor já foram feitas e ele irá pagar pelo o que fez”, declarou a advogada.

Veja abaixo como tudo aconteceu (Atenção, as cenas são fortes).