Parabéns! Veja o top 5 de novelas de Walcyr Carrasco, que faz aniversário hoje

O novelista Walcyr Carrasco comemora aniversário hoje – Foto: Reprodução

Hoje, dia 1 de dezembro, o novelista e escritor Walcyr Carrasco está completando 67 anos de vida. E para comemorar essa data, o CenaPop elencou o top 5 de melhores novelas desse que é um dos maiores autores da TV brasileira.

Fazer uma lista das melhores obras de Carrasco é uma tarefa difícil. Versátil, com um estilo de escrita único e facilmente reconhecido pelo público, o autor coleciona sucessos desde o começo de sua carreira, que começou no SBT, passou pela extinta TV Manchete e, desde 2000, brilha na TV Globo.

Em todo caso, tentamos aqui fazer um apanhado da carreira de Walcyr, escolhendo seus trabalhos mais significativos para esta lista, e desejamos a ele muita saúde e a continuação do seu sucesso, e que ele nos proporcione ainda mais obras inesquecíveis!

 

5- O Cravo e a Rosa (2000)

Cena de O Cravo e a Rosa (2000) – Foto: Reprodução

Sua estreia na TV Globo, depois de sua passagem pelo SBT, escrevendo Fascinação em 1998. Baseada na peça de Shakespeare, A Megera Domada, nesta obra acompanhamos a relação de amor e ódio entre Catarina (Adriana Esteves) e Julião Petruchio (Eduardo Moscovis), que foi um enorme sucesso na época de sua exibição e é lembrada ainda hoje. Foi esta novela que sedimentou o caminho de Carrasco dentro da emissora dos Marinho.

 

4- Amor à Vida (2013)

Cena de Amor à Vida (2013) – Foto: Reprodução

Esta é mais uma estreia na carreira de Walcyr Carrasco, agora como novelista da faixa das nove, a mais prestigiada da TV Globo. Com um enredo forte e envolvente, cativou a audiência na época de sua exibição e ainda promoveu algumas pequenas revoluções, como mostrar o primeiro beijo gay no horário de maior audiência do canal. Além disso, tem uma das cenas finais mais memoráveis já produzidas na TV brasileira, envolvendo Mateus Solano e Antonio Fagundes.

 

3- Chocolate com Pimenta

Cena de Chocolate com Pimenta (2003) – Foto: Reprodução

Consolidado no horário da seis, Walcyr Carrasco escreveu em 2003 mais uma de suas conhecidas tramas de comédia que conquistaram o público logo de cara. O autor tem grande facilidade em escrever personagens cativantes e que também possuem um lado engraçado, e aqui ele usa e abusa desse recurso que fez dessa obra um enorme sucesso. Tendo no elenco Mariana Ximenes, Priscila Fantin e Murilo Benício, Chocolate com Pimenta é uma trama de época (ela se inicia em 1922) e que somou mais um estrondoso sucesso na carreira do novelista.

 

2- Alma Gêmea

Cena de Alma Gêmea (2005) – Foto: Reprodução

A TV Globo ainda recebe pedidos, todos os meses, para que volte a reprisar essa novela que atingiu altos picos de audiência em sua exibição original, em 2005. A história de amor entre Serena e Rafael, que atravessou outras vidas, conquistou o público de uma forma imediata, trazendo até a música de abertura, Alma Gêmea, interpretada por Fábio Junior, para o topo das paradas de sucesso. Até hoje a novela inspira admiração e até mesmo alguns memes na internet, como a clássica cena da morte de Débora (Ana Lúcia Torre), uma das grandes vilãs dessa obra ao lado de Cristina (Flávia Alessandra).

 

1- Verdades Secretas

Verdades Secretas (2015) – Foto: Reprodução

Foi em 2015 que Walcyr Carrasco chegou ao topo com Verdades Secretas. Uma das primeiras (na verdade, a quinta) “novela das onze” a ser exibida na TV Globo, e tendo como pano de fundo o mundo das passarelas e da moda, trouxe diversas polêmicas (como o chamado “book rosa”) e também uma linguagem até então nova na obra de Carrasco. A novela, ao contrário de todas as outras que ele escreveu, não preza pela comédia, sendo completamente dramática. A atuação de Grazi Massafera como uma modelo que se vicia em drogas, e a sequência final de cenas foram reconhecidas como o ponto alto da TV brasileira em 2015, levando ao reconhecimento até mesmo no exterior.

 

Bônus: Xica da Silva

Xica da Silva (1996) – Foto: Reprodução

Esta novela, exibida na TV Manchete em 1996, foi escrita por Carrasco sob o pseudônimo Adamo Angel, pois ele tinha contrato assinado com o SBT – e portanto, ele não poderia criar para outras emissoras. O sucesso de Xica da Silva foi tão grande que essa obra entrou para a história da TV, e marcou o ponto de virada na carreira do novelista e também de sua atriz principal, Taís Araújo. Sem dúvida, uma das mais polêmicas e sensuais novelas que já passaram pelas telas brasileiras: sem pudor, sem medo da nudez, sem frescura, Carrasco entregou a história da escrava que virou majestade com perfeição, sendo um ícone dos anos 90.

Comentários