Com o filho recém-nascido na UTI, Valentina, assistente do Ratinho, relata drama na web: “Chorei sem parar por quatro dias”

Valentina Francavilla na festinha de 1 mês de Giuseppe, e o bebê já doentinho – Foto: Reprodução/ Instagram

Assistente de palco do Programa do Ratinho, Valentina Francavilla usou seu Instagram Stories, no último domingo (21/10), para falar sobre a internação do filho, Giuseppe, de apenas 1 mês.

Diagnosticado com bronquiolite, o bebê passou os últimos dias internado na UTI do hospital para receber tratamento.

Na rede social, ela contou que o bebê começou a apresentar tosse leve, e que no pronto socorro já recebeu o diagnóstico.

“Eu sempre critiquei as mães que não e deixam as pessoas pegarem seus bebês no colo. Eu dava o meu filho para todo mundo que ia me visitar. Eu falava para pegar o meu filho no colo. Acontece que os adultos podem carregar vírus que não fazem nada para eles, mas em um bebezinho de um, dois ou três meses, causa a bronquiolite e eles acabam indo parar na UTI. É uma coisa bem grave”, começou.

No relato, Valentina contou que prefere, daqui em diante, se passar por chata [por não deixar as pessoas pegarem seu bebê no colo] do que ter o filho internado na UTI do hospital.

Valentina Francavilla deu à luz Giuseppe no dia 8 de setembro – Foto: Reprodução/ Instagram

“É melhor a gente se passar por chata, do que viver o que eu vivi esta semana com o meu filho internado na UTI. Não desejo para ninguém. Eu chorei sem parar por quatro dias. Eu fiquei doente, tive que ir para casa porque fiquei doente”, revelou.

Na rede social, Valentina compartilhou uma foto do bebê doentinho e aproveitou para fazer uma alerta para as mamães de primeira viagem:

“Ninguém quer ver o filho do jeito que eu vi o meu. Se tiver alguém da sua família insistindo em pegar o seu bebê, mostre essa foto para ela e diga que você não quer ver seu filho assim. Mãe nenhuma tem que ver o seu filho recém-nascido assim”, continuou.

No final do vídeo, Valentina dá uma dica valiosa para ajudar a proteger os bebês recém-nascidos:

“É obvio que o bebê não pode viver em uma bolha, mas, pelo menos no comecinho, não deixa pegar no colo, lave muito as mãos, tenha álcool em gel no quarto… Espero que o que eu passei sirva de alerta. Sempre há uma coisa boa no ruim. Às mamães que acham que nunca vai acontecer, espero que sirva de exemplo. O Giuseppe está bem, amanhã a gente vai para casa. Obrigado por todas as mensagens”, completou.

LEIA MAIS:

E. Mesquita fala sobre reencarnação
Marquezine curte Shakira em SP
Selma Blair fala sobre esclerose múltipla
Marquezine mostra nova tatuagem
Isis Valverde mostra barrigão
Sheron M. homenageia o filho

Veja mais notícias de Famosos.