Padre Marcelo Rossi fala sobre depressão: “Eu achava que era frescura”

Padre Marcelo Rossi relembra período em que teve depressão - Foto: Reprodução/ RedeTV!

Padre Marcelo Rossi relembra período em que teve depressão – Foto: Reprodução/ RedeTV!

Convidado do último Mariana Godoy Entrevista, padre Marcelo Rossi falou abertamente sobre a época em que sofreu depressão.

No bate-papo com a apresentadora, o religioso explicou que está fazendo um programa de rádio na madrugada para cumprir uma promessa que fez, de ajudar pessoas que sofrem de depressão.

“É por um período, que é uma promessa que eu fiz, para poder ajudar as pessoas. Você sabe que eu passei por depressão, e achava que era frescura. Hoje posso ajudar muitas pessoas”, explicou.

“Durante 19 anos da minha vida, e olha, tirei pessoas da depressão, levando a Jesus, mas eu não acreditava”, declarou.

“Até um dia que eu vi, alguém que eu não posso falar o nome, e me questionei; ‘como alguém tão ungido pode entrar em depressão’. Foi aí que eu caí em si e vi que estava sofrendo”, continuou.

Na entrevista, padre Marcelo relembrou momentos complicados que passou durante a época em que estava depressivo:

Padre Marcelo Rossi relembra período em que teve depressão - Foto: Reprodução/ RedeTV!

Padre Marcelo Rossi relembra período em que teve depressão – Foto: Reprodução/ RedeTV!

“Eu não sou padre por profissão, eu sou padre por missão. Deus me chamou. Nunca tive vontade de voltar atrás. Na depressão, eu perdi isso. Se tornou uma profissão. Eu já não fazia com amor. Eu comecei a sentir que algo estava errado”, disse.

Segundo o religioso, a descoberta de que havia algo errado aconteceu com a visita do Papa Francisco:

“O Papa Francisco estava aqui. Estava lá, sábado, ele também, e me deu uma coisa que eu tinha que ir embora. Eu não cantei para o Papa, e foi aí que eu me dei conta; ‘nossa, eu preciso me tratar’. E foi aí que eu soube que não podia tomar remédio”, explicou.

A grande virada aconteceu de um na vira de 30 de setembro para 1º de outubro.

“Foi quando eu compus a música Sonhos de Deus. Foi o momento em que realmente eu me dei conta, me senti impotente. Sabe quando você está no fundo do poço? Foi aí que eu me lembrei; ‘hei, eu estou esquecendo o principal’”, lembrou.

“Naquele momento, eu pedi. Eu comecei a rezar o rosário. Antes disso eu tinha preguiça de rezar o terço. Você sabe porque que eu peguei o Terço Bizantino? Porque ele era rápido. Eu confesso a vocês, que era mais rápido. Depois eu aprendi uma coisa, a saborear”, revelou.

No final da entrevista, padre Marcelo ainda falou sobre a polêmica de ser tratado como cantor por algumas pessoas, e ainda comentou a atuação de padre Fábio de Melo:

“Quero deixar uma coisa bem claro, se não vão dizer que eu estou atacando. Padre Fábio de Melo, antes de ser padre, ele era cantor. Se tornou sacerdote, e aí ele vai e faz show. Eu não [faço show], eu sou padre. Eu não vou fazer show. Eu nunca fiz show, eu sou sacerdote. As pessoas confundem”, completou.

LEIA MAIS:

Nanda Costa fala sobre cenas quentes em clipe com Pablo Morais
Evaristo Costa posta foto antiga e seguidora brinca: “Melhor agora”
Bianca Bin viu vídeos de agressões reais para compor Clara

Veja mais notícias de famosos.