Ed Westwick, da série “Gossip Girl”, é acusado de estupro

Ed Westwick está sendo acusado de estupro pela atriz Kristina Cohen - Foto: Reprodução/ Instagram

Ed Westwick está sendo acusado de estupro pela atriz Kristina Cohen – Foto: Reprodução/ Instagram

A atriz Kristina Cohen usou sua página no Facebook, nesta segunda-feira (06/11), para revelar que foi vítima de agressão sexual.

Na rede social, a artista acusou o ator Ed Westwick, que ficou famoso por interpretar Chuck Bass, na série Gossip Girl, de tê-la estuprado em 2014.

Após a denúncia, muitos fãs da atriz e seguidores do ator usaram as redes sociais para protestar. Nas últimas imagens postadas por Ed no Instagram, muita gente demonstrou indignação.

No textão, Kristina disse que o período faz parte de um período negro de sua vida:

“O último mês foi realmente difícil. Assim como muitas outras mulheres, eu também tenho uma história de agressão sexual para contar”, escreveu ela.

“A onda de revelações de assédio é algo emocionalmente exaustivo. Eu andei de um lado para o outro pensando se eu deveria falar sobre o assunto. ‘E se eu falasse. Será que eu seria ouvida?’”, continuou.

Kristina Cohen acusa Ed Westwick de tê-la violentado sexualmente em 2014 - Foto: Reprodução/ Instagram

Kristina Cohen acusa Ed Westwick de tê-la violentado sexualmente em 2014 – Foto: Reprodução/ Instagram

“Eu fui agredida sexualmente há três anos. É um período negro da minha vida. Minha mãe estava morrendo de câncer, e eu não tinha estrutura emocional para lidar com o que havia acontecido comigo. Acabei enterrando a minha culpa e a minha dor para lidar com o massacre que viria com a morte da minha mãe, três meses depois”, explicou.

No texto, Kristina conta que se sente culpada pelo que aconteceu com ela, e também revela como tudo aconteceu.

“Mesmo agora, eu luta contra o sentimento de culpa. De alguma forma, sinto que colaborei para que tudo acontecesse, sinto que tenho culpa. Não sei de onde vêm esses sentimentos”, explicou.

“Eu estava saindo com um produtor que era amigo de Ed Westwick. Foi com esse produtor que fui até a casa de Ed pela primeira vez. Na ocasião, Ed sugeriu ‘que todos nós tínhamos que transar’, mas eu disse que queria ir embora. Para não deixar Ed desconfortável por ter ido embora de uma hora para outra, esse produtor decidiu ficar mais tempo”, continuou.

“Ed insistiu para que nós ficássemos para o jantar. Eu disse que estava cansada e que queria ir embora, estava tentando sair daquela situação desconfortável. Ed sugeriu então que eu tirasse uma soneca no quarto de hóspedes. O produtor disse que ficaríamos por mais 20 minutos, e depois iríamos embora”, detalhou.

“Eu fui para o quarto e adormeci rapidamente. Acordei de forma abrupta e Ed estava em cima de mim. Seus dedos estavam dentro do meu corpo. Eu lutei com ele e usei toda a minha força, mas ele segurou meu rosto, me chacoalhou, e disse que queria transar comigo”, continuou.

“Eu fiquei paralisada, aterrorizada. Não conseguia mais me mexer. Ele me segurou, e me estuprou. Foi um pesadelo, e os dias seguintes não foram melhores”, lembrou.

“O produtor com quem eu estava saindo me culpou, disse que eu participei ativamente de tudo. Ele me disse que eu não poderia falar nada, que Ed tinha gente que viria atrás de mim, que me destruiria, e que eu poderia esquecer minha carreira. Ele dizia que eu não poderia falar sobre o estupro, porque seria rotulada como ‘aquela garota’”, explicou.

“Por um bom tempo, eu acreditei nele. Eu não queria ser ‘aquela garota’. Agora eu sei como alguns homens poderosos tratam as mulheres, e como isso acontece frequentemente na nossa indústria”, disse.

“Eu tenho nojo de homens como o Ed, que são respeitados pelo público e entrevistados por instituições de prestígio, como a Oxford Union Society at Oxford University, que concedeu a ele a honraria de ‘pessoa modelo para o mundo’. Como isso termina? Com Ed usando seu poder para estuprar? Homens como o Ed usam o poder e a fama para estuprar e intimidar, e continuam colhendo bons frutos. Eu espero que o meu relato encoraje mais mulheres e que ajude a redefinir e a realinhar os ambientes desequilibrados criados por esses monstros”, completou.

LEIA MAIS:

Iza relembra racismo na infância e fala sobre o corpo ideal
Pérola Faria muda o visual para a novela “Apocalipse”
Após anos desempregada, Narjara Turetta festeja volta à TV

Veja mais notícias de famosos.